11 de Dezembro de 2017
13º
max. 16º
min. 7º
notícias
iniciativas em destaque
exposição 22 de Abril de 2016
'Bocage' censurado em mostra

Os pormenores da censura do fascismo ao texto dramatúrgico “Bocage”, de Romeu Correia, são revelados numa exposição a inaugurar no dia 23, à tarde, na Biblioteca Pública Municipal de Setúbal.

“O processo de censura da obra Bocage de Romeu Correia” dá título à exposição, que apresenta o texto resultante da intervenção censória do Estado Novo, nunca antes revelado em público, numa iniciativa da Câmara Municipal de Setúbal em colaboração com a Direção-Geral do Livro.

A mostra, integrada nas comemorações do Dia Mundial do Livro e dos Direitos de Autor e dos 250 anos do nascimento de Bocage, com inauguração às 16h00, é composta por um exemplar da peça dramatúrgica escrita em 1965 por Romeu Correia censurada pelo fascismo.

Os cortes marcados a “lápis azul” e as informações dos censores sobre o que era ou não permitido ser representado em palco durante o período do Estado Novo, regime político fascista que vigorou em Portugal entre 1933 e 1974, constam da exposição.

A mostra “O processo de censura da obra Bocage de Romeu Correia”, patente na Biblioteca Pública Municipal entre 23 de abril e 14 de maio, pode ser visitada de segunda a sexta-feira das 09h00 às 19h00 e aos sábados das 14h00 às 19h00.

Romeu Correia, nascido a 17 de novembro de 1917, em Almada, foi escritor e dramaturgo, tendo colaborado em diversas publicações. Editou mais de três dezenas de obras, que lhe valeram diversas distinções, como o Prémio 25 de Abril, atribuído pela Associação de Críticos Teatrais, em 1984.

Paralelamente à escrita, praticou atletismo e boxe, modalidade em que conquistou o título de campeão nacional amador. 

ferramentas
notícias relacionadas
mais recentes
+ lidas
APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign