18 de Dezembro de 2017
max. 12º
min. 1º
notícias
iniciativas em destaque
música 29 de Outubro de 2012
'Lado B' mostra música experimental

A música experimental está em destaque com a primeira edição do “Lado B”, festival que decorre, entre os dias 2 e 4, na Casa da Cultura.

“Macaco Rápido”, projeto de Pedro Silva que se apresenta com a participação especial de Hugo Cão, abre as portas ao experimentalismo no festival sadino no dia 2, às 22h00, na Sala José Afonso.

A noite inaugural termina com a performance de Gabriel Ferrandini, na bateria, e de Pedro Sousa, no saxofone tenor, ambos músicos com projeção no jazz nacional e que, em dupla, exploram a música improvisada.

O “Lado B”, organizado pela Câmara Municipal de Setúbal, em parceria com a associação Experimentáculo, reserva para o dia 3, a partir das 22h00, na Sala José Afonso, uma instalação de Alexandre Murtinheira, seguida pela atuação dos “Mão sem Dedos”, quarteto que desconstrói as bases do rock, apresentando novos sons com muita inspiração na ficção científica.

Os “S for Seward” encerram o segundo dia do novo festival, com um concerto de música improvisada e muito inspirada em free-jazz minimal e no escritor William S. Burroughs.

Para o último dia, a 4, também a partir das 22h00 e na Sala José Afonso, o “Lado B” reserva “Panpotting”, performance de Pedro Almeida, João Hora e Pedro Jacques onde sons inovadores de percussão são explorados por intermédio de explorações no campo tecnológico.

Ainda no dia 4, o cantautor Nilson apresenta o novo álbum “We are strange”, em que o solista alemão explora os ritmos do folk, terminando o programa musical com o projeto “Guitarras Variáveis”, protagonizado, neste concerto de Setúbal, por Luís Varatojo, João Hora e Pedro Almeida.

“Guitarras Variáveis” é um projeto que conta com o envolvimento de vários músicos, através do qual exploram as potencialidades melódicas das guitarras elétricas, sendo que cada atuação pode contar com um número variável de elementos e artistas diferentes em relação ao concerto anterior.

O programa para o dia 4 inclui, ainda, uma mostra de cinema experimental, às 15h00, igualmente na Casa da Cultura.

As entradas para cada dia custam cinco euros, existindo um bilhete único para os três dias do festival, no valor de dez euros. A mostra de cinema experimental é de entrada livre.

Os bilhetes encontram-se à venda na Casa da Cultura.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign