12 de Dezembro de 2017
max. 13º
min. 4º
notícias
iniciativas em destaque
música 08 de Maio de 2017
Acordeonistas em festa

Uma dezena de acordeonistas atuou no dia 6 no II Festival Internacional do Acordeão de São Sebastião – Setúbal S. Sebastião Acordeon Fest, num espetáculo que incluiu uma sessão de sapateado, perante o auditório esgotado do Grupo Desportivo Independente.

A iniciativa, enquadrada nas comemorações do Dia Internacional do Acordeão, contou com a participação de vários acordeonistas, entre eles Mário Caeiro, Tiago Inácio, Mário Paulo, João Costa e Nicole Viviane, todos de Setúbal, Rodrigo Maurício, da Lourinhã, e Pedro Ivan Gonçalves, do Algarve.

O espetáculo musical incluiu ainda uma atuação de sapateado do conhecido bailarino gaulês Michel Roubaix, há vários anos em Portugal.

O ponto alto da tarde foi uma homenagem a Manuel Ramos Patrício, acordeonista desde 1952, fundador do Instituto Musical Patrício, em 1972, e da Associação dos Acordeonistas de Portugal em Setúbal, em 1994.

A homenagem ao músico, que conta com centenas de atuações em todo o país e mais de quinhentas obras literárias e musicais registadas, a maioria escritas para acordeão, decorreu em dois momentos e contou com a presença do vereador da Cultura da Câmara Municipal de Setúbal, Pedro Pina.

Num primeiro momento, Ramos Patrício foi agraciado pelo presidente da Junta de Freguesia de São Sebastião, Nuno Costa, e, noutro, pela Associação dos Acordeonistas de Portugal.

Este dia de festa da comunidade acordeonista foi organizado pela Associação dos Acordeonistas de Portugal, juntamente com a Junta de Freguesia de São Sebastião, com o apoio da Câmara Municipal de Setúbal e coorganização da Mito Algarvio – Associação de Acordeonistas do Algarve e a Confederação Internacional de Acordeonistas.

Ainda no âmbito das comemorações do Dia Internacional do Acordeão, no dia 7, à tarde, a União Cultural e Recreativa Praiense recebeu a III Gala do Acordeão de Setúbal, de tributo ao músico e autor João Barra Bexiga, único acordeonista algarvio vivo com ligação à época que definiu o corridinho como género performativo genuíno algarvio.

O evento, organizado pela Junta de Freguesia do Sado, com o apoio da Câmara Municipal de Setúbal, registou atuações dos setubalenses Mário Paulo, João Costa, Nicole Viviane, Ramos Patrício e do algarvio Jorge Alves.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign