16 de Dezembro de 2017
max. 12º
min. 5º
notícias
iniciativas em destaque
obras 18 de Março de 2014
Arte estaciona no Alegro

A primeira fase da nova zona de estacionamento do centro comercial Alegro Setúbal, com um conjunto de obras artísticas, abriu no dia 19 ao público com mais de dois mil lugares.

O parque, criado ao longo de quatro níveis no edifício em construção resultante da ampliação do atual Jumbo, abriu parcialmente. Desta forma é possível encerrar o estacionamento de superfície que servia aquela unidade comercial, área que, de acordo com o projeto do Alegro, acolherá um conjunto de equipamentos de lazer.

Pinturas, fotografias, graffiti e instalações são formas de expressão artística patentes nas sete obras em exposição permanente no piso 3 do novo parqueamento do Alegro Setúbal. As criações, executadas por jovens artistas portugueses, foram realizadas no âmbito do “Arte em Toda a Parte”.

“É impressionante constatar como um trabalho imenso de betão pode ser visto de uma forma artística e inspirar tanta criatividade”, elogiou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, no dia 19, de manhã, numa visita ao novo espaço de estacionamento, que incluiu a inauguração da mostra.

“Diva”, de Bruno Pereira, “Vamos às Compras”, Carlos Farinha, “Ride the Lightning”, David Rosado, “Animais Domésticos”, Israel Guarda, “Transição”, Rita Melo, “A.S.#1-3”, Romão Brás, e “14 Anos no Asilo”, Sandro Resende, são as obras de arte instaladas em vários locais do parqueamento.

A autarca, ao salientar a interação da obra de construção do Alegro Setúbal com a cidade através do “Arte em Toda a Parte”, sublinhou que é “muito prestigiante para o município acolher o registo de jovens artistas” com peças de arte de variadas formas a embelezar o espaço público.

“Art in Progess”, “Alegro Happenings”, Art in Motion”, “Street Art” e “Work.Art” são os cinco projetos já executados no âmbito da iniciativa dinamizada pela Immochan empresa imobiliária do grupo Auchan, em colaboração com a Autarquia, com a finalidade de apoiar a realização de intervenções artísticas no concelho de Setúbal.

A pouco mais de sete meses da inauguração do Alegro Setúbal, o diretor-geral da Immochan, Mário Costa, ao afirmar que a “gestão criteriosa das operações permite o cumprimento do calendário de obra”, desvendou algumas das insígnias que integram a panóplia de lojas do equipamento, como a Fnac, a Mango e a H&M.

O futuro centro comercial, equipamento com uma área bruta de construção de 137 mil metros quadrados, representa um investimento global superior a 100 milhões de euros e inclui a criação de 115 lojas, uma ampla área destinada à restauração e cinemas de última geração.

“É um equipamento que fazia falta a Setúbal, um elemento-chave na modernidade que queremos para o concelho”, afirmou Maria das Dores Meira, reforçando a importância deste investimento para “a dinamização económica da região” e na “criação de novos postos de trabalho”.

A criação do Alegro Setúbal inclui uma profunda transformação e melhoria urbana e viária da principal porta de entrada da cidade, nomeadamente com a construção de uma ampla rotunda no final da A12, uma das principais modificações introduzidas no âmbito desta obra, com trabalhos a iniciar em breve.

O reperfilamento integral da Avenida Antero de Quental e da Rua Nova Sintra, dotando estas vias de características mais urbanas, são trabalhos em estado avançado de execução. O novo viaduto de acesso ao Alegro Setúbal, com quatro vias de circulação, está também já em andamento.

“Um ano depois do lançamento simbólico da primeira pedra desta grande obra, é impressionante o grau de evolução deste investimento, uma referência para a cidade e para a região”, rematou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign