16 de Dezembro de 2017
10º
max. 12º
min. 5º
notícias
iniciativas em destaque
sensibilização 21 de Março de 2017
Crianças plantam em Dia da Floresta

O Dia Mundial da Floresta e da Árvore foi assinalado no dia 21, no Parque Verde da Bela Vista, com uma iniciativa de educação ambiental que envolveu a participação de mais de uma centena de crianças.

A ação, organizada pela Câmara Municipal de Setúbal com o apoio da empresa Vibeiras, permite a plantação de mais de duas centenas e meia de árvores com a colaboração especial de alunos das escolas básicas n.º 1 do Faralhão e n.º 5 do Peixe Frito.

Ao chegarem ao parque, as crianças são encaminhadas para uma zona onde a terra já está preparada para receber as novas árvores. Atentas e entusiasmadas, ouvem as explicações de Teresa Lourenço, da Divisão de Espaços Verdes da autarquia, sobre as espécies a plantar.

Azinheira, sobreiro, pinheiro bravo e manso, carvalho português e alvarinho são espécies autóctones, habituadas ao clima e ao solo da região, esclarece a técnica municipal, além de serem “as que oferecem melhor resistência a condições extremas, como a seca, razões pelas quais foram as escolhidas para plantar no Parque Verde da Bela Vista”.

Segundo o vereador do Ambiente, Manuel Pisco, a escolha deste espaço verde também não foi ao acaso, uma vez que, “por ser de grande dimensão e com muitas zonas vazias”, necessita de um reforço da arborização.

“Há espaço para se plantarem aqui, de uma vez só, muito mais do que 250 árvores. Com esta ação, aproveitamos para recompor o tecido arbóreo do parque e ir preenchendo o espaço.”

No entanto, salienta, o principal objetivo desta iniciativa que levou cerca de cem crianças ao Parque Verde da Bela Vista para ajudarem a plantar árvores é levar os mais novos a “colocarem em prática o que aprendem nas aulas e terem contacto com a natureza”.

O vereador acentua que a educação ambiental nas escolas é “muito importante” para a autarquia, pois “é através das crianças que as questões da educação ambiental são transportadas para o futuro”, além de que, “ao interiorizarem desde cedo os conceitos, são elas, muitas vezes, as educadoras das famílias”.

Enquanto as informações são transmitidas, as crianças organizam-se em grupos de cinco e recebem uma árvore que vão ajudar a plantar num dos locais já devidamente preparado.

“Com as pás ajeitam os buracos e a seguir colocam a árvore. Depois tapam as covas, com muito cuidado por causa das raízes, e, por fim, colocam as redes que vão proteger as novas plantas”.

As explicações dos técnicos municipais e dos colaboradores da Vibeiras, que distribuem folhetos com todas as informações para não falhar nada, parecem simples para Sérgio, aluno do 4.º ano da EB n.º 1 do Faralhão. “Já plantei árvores e flores. Tenho um terreno muito grande e já plantei várias coisas, como morangos e laranjeiras.”

Sérgio e o amigo Rodrigo, da mesma turma, que também tem um jardim onde já plantou “muitas árvores”, parecem ter a exata noção da importância da iniciativa desta manhã. “Temos de plantar árvores porque elas produzem oxigénio e dão fruta, ou seja, fornecem alimentos.”

A ação no Parque Verde da Bela Vista foi, igualmente, aproveitada para realizar as filmagens dos últimos vídeos a inserir no portal de internet Júnior Ambiente, que a autarquia vai lançar em breve.

“É um site que vai ter exemplos práticos, através de vídeos, e informações sobre regras básicas para as crianças, em termos ambientais. Os conteúdos são muito úteis para os professores utilizarem em sala de aulas”, explica o vereador Manuel Pisco.

Os vídeos gravados no Parque da Bela vista ensinam a plantar uma árvore no jardim e uma floreira na varanda.

A empresa Vibeiras apoiou a iniciativa com o fornecimento das árvores, a distribuição de folhetos com as explicações de como fazer a plantação e placas identificativas das espécies plantadas.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign