11 de Dezembro de 2017
15º
max. 15º
min. 7º
notícias
iniciativas em destaque
eventos 04 de Dezembro de 2012
Dezembro ativo na Casa da Cultura

Música, cinema, encontros, apresentações de livros, teatro, exposições e workshops, entre outras iniciativas, dinamizam a Casa da Cultura durante o mês de dezembro.

A sétima arte está em destaque com o ciclo “Clube de Cinema – É Português? Não presta!”, todas as quintas-feiras, às 21h30, na Sala José Afonso, com “Aparelho Voador a Baixa Altitude”, de Solveig Nordlund, a ser o primeiro filme a exibir em dezembro, no dia 6.

O ciclo de cinema, organizado pela Câmara Municipal de Setúbal e pela associação Experimentáculo, com bilhetes a 1 euro, conta ainda com a exibição dos filmes “Sangue do Meu Sangue”, de João Canijo, a 13, “Crónica dos Bons Malandros”, de Fernando Lopes, a 20, e “Alice”, de Marco Martins, a 27.

Ainda no cinema, realiza-se uma sessão do ciclo “Curtas Sadinas 2012 – Conversas com Realizadores”, no dia 12, às 21h30 na Sala José Afonso, com a apresentação da curta-metragem “Da Realidade e da Ficção”, apresentada pelo autor, Pedro Semedo. A organização é da Câmara Municipal e a entrada é gratuita.

Também os mais novos foram contemplados na programação cinematográfica com a sessão de cinema infantil “Winnie the Pooh”, que decorreu no dia 1, na Sala José Afonso.

“Elis Regina – 30 anos depois” é um dos eventos que compõem a programação musical da Casa da Cultura, com a interpretação de temas da diva da música brasileira, na passagem do trigésimo aniversário da sua morte. A iniciativa, de entrada gratuita, organizado pela Autarquia e a DDLX, dia 7, às 22h00, no espaço Café das Artes, inclui ainda uma exposição evocativa.

Em dezembro, também às 22h00, com entradas a 3 euros, há ainda atuações dos E-Vox, dia 8, de apresentação do novo trabalho discográfico “Pelo sonho é que vamos”, dedicado a Sebastião da Gama, e dos Hell Hound e Fast Eddie, a 29, concerto no âmbito do programa “Emergências”, organizado pela Câmara Municipal e a Experimentáculo, que já contou com a participação de Kalafate, no dia 1.

Ainda na música, o pianista Fernando Cruz dinamiza o programa “Piano Bar”, com atuações nos dias 13 e 20, às 22h00, no Café das Artes, com entrada gratuita, iniciativa organizada pela Câmara Municipal.

O “Lugar ao Fado” dá voz a Manuel Guerra, acompanhado à guitarra por António Jorge e à viola por David Sousa Carlos, numa noite que recorda canções de José Afonso e celebra o Fado de Coimbra. O espetáculo é no dia 15, às 22h00, na Sala José Afonso, com entradas a 3 euros.

O Coro da Casa da Achada atua no dia 21, às 22h00, na Sala José Afonso, no âmbito do programa “Ciclo de Música Popular Portuguesa”, organizado pela Câmara Municipal e pela Associação José Afonso, num espetáculo com bilhetes e 3 euros.

A programação dedicada à literatura começa com a apresentação de dois livros, “Resgates do Tempo”, de Maria José Almeida, na Sala José Afonso, e “Criar, Trabalhar, Valorizar – As mulheres contribuem para o desenvolvimento do país”, do Movimento Democrático de Mulheres, dia 8, às 16h00, no Café das Artes, iniciativa da Câmara Municipal, de participação livre.

Um debate sobre o livro “As Mulheres da Fonte Nova” ocorre no dia 14, às 21h30, na Sala José Afonso, com a participação da autora, Alice Brito, da editora, Ana Maria Pereirinha, da escritora Cristina Carvalho e da historiadora Luísa Tiago de Oliveira, no âmbito do programa “Muito Cá de Casa”, uma organização conjunta da Câmara Municipal e da DDLX, de entrada gratuita.

Igualmente com entrada livre decorre a apresentação do livro “Música Portuguesa com Partituras e Tablaturas”, dia 22, às 21h30, na Sala José Afonso, organizada pela Câmara Municipal e a Associação José Afonso. O livro, de Fernando Couceiro, apresenta dez arranjos para guitarra clássica de temas intemporais da música portuguesa.

O teatro marca igualmente presença no programa de dezembro da Casa da Cultura, com a apresentação do espetáculo “Texto em Cena”, dia 28, às 22h00, na Sala José Afonso. A iniciativa, com entradas a 5 euros, celebra o aniversário do TAS – Teatro Animação de Setúbal, companhia organizadora do evento em parceria com a Câmara Municipal.

Também o teatro infantil está em evidência com a apresentação, nos dias 15 e 22, às 10h30, na Sala José Afonso, dos “Contos da Sr.ª Zagallo”, pelo Teatro do Elefante. A entrada é de 3 euros por criança e 5 por adulto.

O Teatro do Elefante dinamiza também, todas as terças e quintas-feiras, a partir das 17h45, na Sala José Afonso, a Escola de Artes Performativas, destinada a todos os públicos, de bebés a adultos. Mais informações podem ser obtidas através do correio eletrónico elefante@teatrodoelefante.net.

Aos sábados, às 11h30, há aulas de expressão musical para crianças e jovens, dinamizadas pela Capricho Setubalense, que dinamiza ainda formação musical, de segunda a sábado, a partir das 11h30, tudo na Sala José Afonso. Mais informações em capricho.setubalense@gmail.com.

A sessão “Às voltas com o direito à indiferença”, do Ciclo de Conversas Interculturais, também se realiza na Casa da Cultura, dia 6, às 21h30, no Café das Artes, com o debate de assuntos relacionados com a homossexualidade, a bissexualidade e transexualidade. A iniciativa é da Câmara Municipal e das instituições ACVS e EAPN, com o apoio da SEIES, Projeto Vaivém e ILGA – Portugal.

A fotografia suscita igualmente um encontro onde todos podem participar, também no dia 6, às 21h30, no Espaço das Artes, numa organização conjunta da Autarquia e da Artiset – Associação de Artistas Plásticos de Setúbal.

Em dezembro estão patentes na Casa da Baía várias exposições como a “World – Exposição Internacional de Fotografia”, até dia 30, no Espaço das Artes, organizada pela Câmara Municipal, pela Artiset e pela United Photo Press, visitável de terça a sábado das 16h00 às 19h30 e das 20h00 às 23h00 e domingos das 16h00 às 20h00.

Há ainda uma mostra de pintura de Annelie Monteiro, até 31, no Café das Artes, promovida pela Autarquia, enquanto no dia 6, às 19h00, é inaugurada a exposição “O Lobo Ibérico”, na Galeria de Exposições, organizada pela Artiset, com a participação da Associação das Artes e das Letras Galego-Portuguesa. Patente até 6 de janeiro, inclui uma reportagem documental sobre o lobo ibérico e conta com um espaço didático para a elaboração de trabalhos por crianças.

Estas duas exposições podem ser vistas no horário de funcionamento geral da Casa da Cultura, de terça a quinta-feira das 10h00 às 24h00, às sextas e sábados das 10h00 à 01h00 e aos domingos das 10h00 às 20h00.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign