23 de Outubro de 2017
13º
max. 25º
min. 10º
notícias
iniciativas em destaque
energia 26 de Maio de 2015
Eficiência energética justifica aposta

A necessidade de uma maior aposta nos dispositivos e sistemas que permitem reduzir o consumo de energia foi destacada na abertura de uma ação de informação realizada no dia 26 no Ninho de Novas Iniciativas Empresariais de Setúbal.

“Esta é uma questão muito importante para as pessoas, as famílias, as empresas e também as instituições”, assinalou o vereador do Ambiente da Câmara Municipal de Setúbal, Manuel Pisco, na sessão de boas-vindas do encontro “Oportunidades para a eficiência energética nos setores público e privado”, organizado pela ENA – Agência de Energia e Ambiente da Arrábida e pela Autarquia, com diversos apoios.

O autarca usou a imagem “quem tem pode poupar, quem tem pouco gasta mais”, para realçar que a eficiência energética “exige sempre algum investimento”, o que demonstra a importância da existência de programas de financiamento para a adoção de soluções nesta área.

A iniciativa realizada em Setúbal, com o apoio da ADENE – Agência para a Energia, da Direção-Geral de Energia e Geologia, da ADREPES – Associação de Desenvolvimento Regional da Península de Setúbal e do FIAPal – Fórum Indústria Automóvel de Palmela, constituiu uma oportunidade de conhecer ao pormenor as possibilidades de financiamento, nacional e comunitário, de ações de eficiência energética, nomeadamente através de vários fundos, como o Fundo de Eficiência Energética, e dos programas operacionais do Portugal 2020.

“Esta é uma área em que todos devemos investir, porque, além das vantagens ambientais futuras, permite diminuir o consumo de energia. Reduzir os custos operacionais é fundamental para a sustentabilidade económica das organizações”, salientou-nos o diretor da ENA, Orlando Paraíba.

Tanto este responsável como o vereador Manuel Pisco realçaram que, apesar de algum esforço feito nos últimos anos, este é um território que justifica uma aposta contínua.

O encontro, num auditório lotado de técnicos municipais e profissionais relacionados com atividades desenvolvidas com pequenas e médias empresas, prosseguiu com uma intervenção de Paulo Calau, da ADENE, que falou sobre “Oportunidades de financiamento no âmbito do Fundo de Eficiência Energética”.

Seguiram-se alocuções de Dinis Rodrigues, da Direção-Geral de Energia e Geologia, com “Oportunidades de financiamento para as PME’s no âmbito do Portugal 2020 para a área da energia aplicáveis à LVT”, e de Orlando Paraíba, da ENA, com “Oportunidade para as PME’s no âmbito do projeto Gestão de Energia Elétrica em PME’s”.

Após um período de debate, decorreu a entrega de prémios aos vencedores do concurso Edifício ++, promovido pela ENA, que distingue os edifícios dos concelhos de Palmela, Sesimbra e Setúbal que obtiveram a classificação de A+ no âmbito do Sistema de Certificação Energética.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign