21 de Outubro de 2017
16º
max. 21º
min. 13º
notícias
iniciativas em destaque
Idosos 07 de Setembro de 2011
Encontro defende velhice ativa

A importância do “envolvimento e esforço conjunto” na promoção da qualidade de vida da população sénior foi destacada pela presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, no dia 6, no encerramento do seminário “Envelhecimento Ativo: Que Caminhos?”.

A realidade existente e a procura de novas soluções para uma velhice salutar foram os principais assuntos em debate no encontro, realizado no Auditório Municipal Charlot, promovido pelo Observatório Sénior, organismo que resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal, a Uniseti – Universidade Sénior de Setúbal e o Instituto Politécnico de Setúbal (IPS).

“É fundamental a existência de espaços onde se promova a partilha e a reflexão conjunta que permitam a identificação de necessidades, a análise das respostas existentes e daquelas que é necessário criar ou agilizar, de forma integrada”, sublinhou a autarca.

Na intervenção, Maria das Dores Meira referiu que o “envelhecimento ativo deve ser promovido quer a nível individual, quer a nível coletivo”, reforçando, contudo, que “o investimento individual e das respetivas famílias carece de políticas e investimento comunitário”.

O papel da Câmara Municipal de Setúbal no reforço do “espírito de articulação” entre todos os intervenientes nesta área foi, igualmente, evidenciado pela presidente da Autarquia, que vincou a necessidade do estabelecimento de parcerias.

Para promovermos o bem-estar é necessário o estabelecimento de parcerias efetivas e a rentabilização de todos os recursos existentes, tendo consciência das dificuldades que todos vivemos atualmente, mas também das potencialidades de uma comunidade participante e ativa”, frisou Maria das Dores Meira.

O encontro, com a presença de centena e meia de pessoas, entre técnicos da área, estudantes e população em geral, contou com quatro painéis subordinados aos temas “O direito à cidadania”, “O papel social do idoso”, “Formas de abuso” e “Respostas de sucesso”.

Brissos Lino e José Rebelo, do Observatório Sénior, um representante do Instituto Politécnico de Setúbal, Teresa Cadavez, da Provedoria de Justiça, Maria de Lurdes Quaresma, da Câmara Municipal de Lisboa, e Duarte Machado, da Cruz Vermelha Portuguesa, foram alguns dos intervenientes no Seminário: “Envelhecimento Ativo: Que Caminhos?”

Stella António, do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, Alberto Alves, da Uniseti, Sónia Reis, da Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, Ana Bordeira, do Centro Comunitário de S. Sebastião, Vanda Simão, do Centro Hospitalar de Setúbal, Conceição Loureiro e Assunção Jácome, da Câmara Municipal de Setúbal, e Luís Jacob, da RUTIS – Rede de Universidades da Terceira Idade.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign