18 de Dezembro de 2017
13º
max. 13º
min. 2º
notícias
iniciativas em destaque
segurança 28 de Junho de 2016
Europa debate segurança urbana

O Fórum Europeu para a Segurança Urbana está em Setúbal durante três dias para um balanço anual de atividades e a troca de impressões e experiências entre técnicos das cerca de 250 localidades europeias pertencentes à rede.

Ao longo de três dias de trabalhos, entre os dias 27 e 29, o Fórum Europeu para a Segurança Urbana (Efus, sigla em inglês) reúne-se na cidade sadina para a realização de uma assembleia-geral e de um encontro do comité executivo.

O Efus é a única organização não-governamental europeia dedicada em exclusivo a questões de segurança urbana e procura incentivar a troca e debate de ideias e experiências para promover a segurança urbana a montante, isto é, focadas ao nível da prevenção.

O vereador responsável pelo pelouro da Proteção Civil na Câmara Municipal de Setúbal, Carlos Rabaçal, tem partilhado com os restantes intervenientes nos trabalhos agendados as experiências recolhidas localmente no âmbito de vários projetos.

Estas iniciativas municipais em curso, não tendo como objetivos basilares o fomento da segurança urbana, têm obtido resultados muito positivos neste campo, fruto da harmonia social alcançada, como Carlos Rabaçal transmitiu aos participantes no encontro europeu.

“Há vários projetos que têm merecido uma atenção especial, como o Nosso Bairro, Nossa Cidade, que chama à população a responsabilidade de assumir um papel ativo na melhoria das condições dos bairros onde vivem”, destacou o autarca.

André Vervooren, vice-presidente pela Holanda do comité executivo do Efus, sublinha estar surpreendido com os resultados atingidos em Setúbal.

“Já conhecia iniciativas semelhantes noutros países como a do Nosso Bairro, Nossa Cidade, mas nenhuma alcançou o que se está a verificar aqui. A sua implementação resulta de três vetores fundamentais: comunicação, respeito e compromisso”, resumiu o responsável.

O vice-presidente salientou, ainda, que estas “são noções que não são fáceis de colocar em prática e de serem assimiladas, embora Setúbal faça parecer que é algo fácil. É precisamente a complexidade do que foi colocado em prática que é importante partilhar e que deve servir de exemplo em vários outros locais da Europa”.

Os patrulheiros, em que a população sénior ajuda na manutenção das condições dos parques verdes de Setúbal, e a parceria da Câmara Municipal com a Associação Portuguesa de Apoio à Vítima foram outros projetos partilhados pelos representantes da autarquia sadina.

A diretora executiva do Fórum Europeu para a Segurança Urbana, Elizabeth Johnston, sublinha a importância do espírito de partilha.

Responsável pela estratégia e desenvolvimento do organismo, em estreita ligação com o comité executivo, Elizabeth Johnston destaca as questões da migração e de um maior alheamento dos mais jovens a questões relacionadas com as comunidades em que se inserem como fenómenos transversais à maioria dos países do continente europeu e perante os quais é preciso agir.

O início dos trabalhos do dia 28, a decorrer no Hotel do Sado, contou com as boas-vindas da presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira.

A rede do Fórum Europeu de Segurança Urbana é constituída por quase 250 localidades e regiões de 16 países da Europa.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign