15 de Dezembro de 2017
max. 16º
min. 8º
notícias
iniciativas em destaque
artes 16 de Outubro de 2015
Exposição evoca pintura de Flamengo

A vida e obra do pintor Francisco Augusto Flamengo é evocada numa exposição a inaugurar no dia 24, à tarde, na Galeria Municipal do Banco de Portugal.

“Francisco Augusto Flamengo [1852/1915] – Um Pintor de Setúbal” dá título à iniciativa de homenagem impulsionada pela Câmara Municipal, no ano em que se assinala o centenário da morte do artista plástico, pela influência e pelo contributo que teve na dinâmica artística local da época.

A exposição é composta por quatro painéis com imagens de obras artísticas e informações biográficas sobre o autor, além de recortes de jornais da época e outros documentos.

O pintor nasceu a 27 de fevereiro de 1852, na freguesia de Santa Maria da Graça. Depois da instrução primária, aprendeu a arte da pintura com o mestre João Elói Ferreira do Amaral, com quem ficou até aos 20 anos. Dois anos mais tarde, foi para Lisboa trabalhar com José Maria Pereira Júnior.

Na obra do artista setubalense, que pode ser encontrada, principalmente, em localidades do sul do País, incluem-se pinturas em tetos e paredes de teatros e espaços religiosos. Contudo, foi em Setúbal que mais se distinguiu e consolidou o trabalho em vários géneros de pintura. 

Retratista e pintor de interiores de eleição da burguesia setubalense, ilustrador de paisagens e figuras populares, Francisco Augusto Flamengo teve também um importante papel como cenógrafo, tornando-se um importante impulsionador da energia criativa do meio teatral e associativo local.

Entre os vários trabalhos, destaque, em Setúbal, para a pintura decorativa do palco, sala e pano de boca do antigo Teatro Bocage, na sequência de obras de melhoramento em 1884, e para a decoração do antigo Teatro Santos e Silva e, em Beja, para a pintura do teto da Igreja da Conceição.

Além de interiores de igrejas e teatros, foi também muito solicitado para a decoração de casas particulares. Um desses trabalhos está numa sala situada no primeiro andar de um edifício localizado na Praça de Bocage, no centro histórico de Setúbal.

A mostra “Francisco Augusto Flamengo [1852/1915] – Um Pintor de Setúbal”, com inauguração agendada para o dia 24, às 16h00, está patente naquele espaço museológico da cidade até 31 de janeiro. A entrada na Galeria Municipal do Banco de Portugal, onde é possível visitar outras exposições, custa 1,5 euros.

A galeria está aberta de terça a sexta-feira das 11h00 às 14h00 e das 15h00 às 18h00, aos sábados entre as 10h00 e as 13h00 e as 14h00 e as 18h00 e aos domingos neste período de tarde.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign