20 de Outubro de 2017
20º
max. 22º
min. 18º
notícias
iniciativas em destaque
lazer 06 de Agosto de 2012
Festejos animam S. Sebastião

A gastronomia e a música, aliadas a festejos de cariz tradicional, constituem mais uma edição das Festas Populares de S. Sebastião, a decorrer entre os dias 10 e 20.

As festas incluem a 10.ª Festanima, certame que apresenta mais de uma dezena de tasquinhas gastronómicas dinamizadas pelo movimento associativo da freguesia de S. Sebastião, e as tradicionais Festas de Nossa Senhora do Rosário de Troia, festividades dos marítimos do concelho de Setúbal e que decorrem, repartidamente, na Península de Troia.

Na apresentação das Festas Populares, realizada no dia 3, o presidente da Junta de Freguesia de S. Sebastião, Nuno Costa, sublinhou a “evolução muito positiva da Festanima, uma festa que, a comemorar agora o décimo aniversário, está ‘madura’ e que, ao longo do tempo, tem sabido angariar fundos para o movimento associativo, sempre com os pés bem assentes no chão”.

Nuno Costa salientou que a Festanima representa uma importante forma de apoio ao movimento associativo local, em que as coletividades, “além de angariarem fundos, podem divulgar junto da população as suas principais áreas de atividade”.

O presidente da Junta de S. Sebastião considera que “estas são as maiores festas populares do Concelho, sendo que a Feira de Sant’Iago, embora uma das maiores do País, não terá este cariz”.

Só a Festanima contou com cerca de 80 mil visitantes em 2011, enquanto as Festas do Rosário de Troia reúnem milhares de pessoas nas margens de Setúbal para assistir ao círio fluvial de barcos engalanados, um dos pontos altos dos festejos.

O vereador André Martins, da Câmara Municipal de Setúbal, sublinhou na apresentação das Festas Populares, realizada no auditório da Junta de Freguesia de S. Sebastião, que “as festas do Rosário podem ser feitas principalmente do outro lado [concelho de Grândola], mas toda a gente sabe que nascem aqui [Setúbal], com as gentes de cá, com os seus conhecimentos e força de vontade”.

O autarca salientou igualmente que as Festas Populares de S. Sebastião “têm a sua força na comunhão de esforços, tanto das autarquias, como do movimento associativo”, acrescentando que desempenham um papel social relevante. “Nestes tempos que correm é importante conviver, porque, que eu saiba, conviver ainda não paga impostos”, rematou.

A 10.ª edição da Festanima, com um orçamento de cerca de 12 mil euros, conta com 11 stands gastronómicos, dinamizados por coletividades da freguesia de S. Sebastião, e dez pavilhões institucionais e de comercialização de artesanato e produtos regionais.

O certame, a realizar na Avenida Belo Horizonte, Escarpas de Santos Nicolau, é organizado por uma comissão de festas e conta com os apoios da Câmara Municipal e da Junta de Freguesia.

A funcionar entre domingo e quinta-feira das 18h00 às 24h00, encerrando à sexta-feira e ao sábado às 02h00, a Festanima apresenta um vasto programa de espetáculos, sempre com início às 21h00.

Na sexta-feira, dia 10, a noite é preenchida com as atuações da banda da Sociedade Musical Capricho Setubalense e de Carlos Montenegro, seguindo-se um baile conduzido por Francisco José.

O programa musical reserva “Os Massacotes”, Jorge Paulo e baile com Nuno Miguel para sábado, dia 11, enquanto a 12 atuam Deolinda de Jesus e os “Cúmplice’s”, segundos classificados no Festival da Canção 2012.

Alex e baile com João Carlos são as propostas musicais para o dia 13, sendo que o Grupo Coral “Os Sadinos” e o baile da “Actual Band” animam o certame a 14.

Espetáculos de danças de salão e de Jorge Nice preenchem o programa na noite do dia 15, seguindo-se a 16 o Grupo Coral Alentejano “Amigos do Independente”, Star Dance e baile com Fátima Dias.

A 17 atuam Toy e os “Cantares do Sado”, seguindo-se baile com André Gomes.

A 18 sobem ao palco a revista “O Viveiro das Passaronas” e as cantoras Sara Margarida, Carla Lança e Inês Pereira e realiza-se novo baile com André Patrão.

Para o último dia da Festanima estão reservadas as atuações de Bruna Guerreiro, jovem cantora nascida no ano da primeira edição do certame, e da banda “A Preto e Branco”.

Já as Festas de Nossa Senhora do Rosário de Troia dividem a programação entre o religioso e o pagão.

Nos dias 15, 16 e 17, na Igreja de S. Sebastião, realizam-se tríduos em honra da santa protetora. A 18, após missa pela alma dos marítimos falecidos, em Setúbal, às 15h00, os participantes vão em cortejo, acompanhado pela fanfarra dos Bombeiros Voluntários de Setúbal e pela Banda Musical Charranga, de Sarilhos Grandes, Montijo, até ao ponto de embarque do círio fluvial para Troia.

O programa de festas na península localizada defronte de Setúbal apresenta, além de cerimónias religiosas, jogos tradicionais, bailes e arraiais, incluindo o concurso de barcos engalanados, com as embarcações que participam no círio fluvial entre Troia e Setúbal.

No dia 19, às 24h00, um fogo de artifício, lançado a partir de Troia, pode ser admirado de ambas as margens do rio Sado, com as Escarpas de Santos Nicolau, onde decorre a Festanima, a serem um dos pontos privilegiados para se assistir ao espetáculo pirotécnico.

Um dos principais momentos de todo o programa das festas é o círio fluvial com barcos de pesca engalanados. A procissão parte da península no dia 20, às 17h00, trazendo de regresso a Setúbal a imagem de Nossa Senhora do Rosário de Troia.

As festividades, tal como a Festanima, são organizadas por uma comissão de festas e contam com os apoios da Câmara Municipal e da Junta de Freguesia de S. Sebastião.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign