15 de Dezembro de 2017
11º
max. 16º
min. 8º
notícias
iniciativas em destaque
saúde 26 de Agosto de 2013
Figueirinha recebe desfibrilhador

A disponibilização de um desfibrilhador na Praia da Figueirinha, resultante de uma oferta do Clube XX Portugal, feita no dia 24, de manhã, foi classificada pela presidente da Câmara Municipal de Setúbal como uma medida de particular significado.

“Vocês estão a fazer história nesta cidade”, afirmou Maria das Dores Meira, referindo-se aos membros deste clube nacional de motociclistas. “Estão a demonstrar que a vossa atitude é também de proximidade e de criação de afetos com as comunidades dos locais por onde passam.”

O desfibrilhador oferecido à Câmara Municipal de Setúbal, destinado ao posto de primeiros-socorros da Praia da Figueirinha, a mais frequentada do concelho, “pode salvar vidas” e constitui “algo sem precedentes”, assinalou a autarca.

No momento da entrega estiveram presentes diversos membros do Clube XX Portugal, que viajaram em cerca de vinte motos, cumprindo o compromisso de ter um ato solidário assumido quando, em maio do ano passado, promoveram um evento em Setúbal para obterem um recorde mundial. Na altura, o clube juntou 421 motos da mesma marca e modelo, Honda CBR XX 1100, mas, por razões burocráticas, o feito não foi homologado pelo Guinness.

“Depois de pagarmos aos fornecedores, a verba que sobrou, cerca de 1500 euros, foi aplicada na aquisição deste aparelho”, indicou Nuno Rente, dirigente do Clube XX Portugal. “Em vez de doarmos géneros a uma instituição, o que já fizemos noutras ocasiões, decidimos, desta vez, atribuir algo mais material e escolhemos o Município de Setúbal porque foi o nosso principal patrocinador.”

A ideia de oferecer um desfibrilhador, adiantou Nuno Rente, surgiu na sequência de uma notícia sobre a morte de uma pessoa ocorrida numa praia do País devido a uma complicação cardíaca. A escolha recaiu sobre um desfibrilhador automático externo Philips HeartStart, aparelho utilizado em casos de fibrilhação ventricular, um dos motivos de paragem cardiorrespiratória e morte súbita.

O equipamento estará disponível na Figueirinha no início de setembro, com a devida formação do pessoal que o utilizará, os nadadores-salvadores. “É uma mais-valia porque, por vezes, não há tempo de uma ambulância chegar para salvar uma vida. A nível nacional só uma outra praia, penso que na zona de Cascais, tem um desfibrilhador. É bom tê-lo aqui também, mas espero que nunca haja necessidade de o usar”, referiu a concessionária da Praia da Figueirinha, Mónica Ferreira.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign