23 de Outubro de 2017
13º
max. 25º
min. 10º
notícias
iniciativas em destaque
fotografia 09 de Maio de 2016
Fotografia distingue jovem de 16 anos

Catarina Pires, com o primeiro lugar na categoria digital, o prémio Jovem Revelação e ainda duas menções honrosas, foi a grande vencedora da 13.ª Meia Maratona Fotográfica de Setúbal, cuja entrega de prémios decorreu no sábado, na Casa da Cultura.

A prova, organizada pela Câmara Municipal de Setúbal, com o apoio e patrocínio de várias entidades, contou com a participação de mais de duas dezenas de fotógrafos amadores, que, no dia 5 de março, percorreram o concelho à procura das melhores imagens para ilustrar o tema principal, “Um Olhar sobre o Desporto”.

Surpreendida, mas visivelmente feliz, Catarina Pires, 16 anos, estudante setubalense e fotógrafa por paixão, recebeu o prémio principal do concurso, que para os três primeiros classificados inclui uma noite para duas pessoas nas distintas unidades hoteleiras parceiras nesta iniciativa, material e equipamento fotográfico e um jantar para duas pessoas em restaurantes do concelho.

Catarina Pires, a participar na iniciativa municipal pela primeira vez, arrecadou o melhor conjunto de fotografias nos 12 subtemas a concurso, dedicado a Setúbal Cidade Europeia do Desporto 2016.

“Só tivemos conhecimento dos subtemas no dia do concurso. Pensei: ‘Bem, desporto… há muita gente em Setúbal a fazer desporto de manhã.’ Não tive nenhuma estratégia. Tudo surgiu no momento”, adiantou.

O percurso da jovem na Meia Maratona Fotográfica de Setúbal foi feito a três, na companhia do pai e de um primo que serviu de modelo para a fotografia na categoria “Crianças e Jovens”, que lhe valeu uma menção honrosa e o prémio Jovem Revelação.

Catarina Pires não tem dúvidas sobre a melhor imagem que captou no concurso, um instantâneo a preto e branco, de um atleta a praticar vela no Parque Urbano de Albarquel, distinguida com outra menção honrosa. “Foi uma fotografia captada no subtema ‘A Deslizar a Rolar’, que me deu gosto em fazer, mas que a tirei sob perspetivas bastante diferentes.”

Para o próximo ano a competição está posta de lado, uma vez que, como estabelece o regulamento da prova, integra o grupo de jurados que avalia os futuros concorrentes. “Com muita pena minha, não vou poder participar.”

Os setubalenses Joana Dionísio, 19 anos, com menções honrosas nos subtemas “Detalhe” e “Serenidade”, no segundo lugar, e Jorge Augusto, 26, com distinções em “Luz”, “Detalhe” e “Deficiência”, no terceiro, completaram o pódio da 13.ª Meia Maratona Fotográfica de Setúbal, integrada no programa municipal m@rço.28, que assinala localmente o Mês da Juventude.

A participar pela segunda vez na iniciativa municipal, Sofia Vilar, 21 anos, destacou-se nesta edição com uma fotografia captada na rotunda localizada no fim da A12, junto do centro comercial Alegro, com uma decoração inspirada em Setúbal Cidade Europeia do Desporto 2016.

O júri da prova, constituído por Manuela Viegas e Mário Peneque, ambos da Câmara Municipal de Setúbal, Ana Castela, vencedora da edição do ano passado, e José Rasquinho, da associação de artistas plásticos Artiset, elegeu a imagem de Sofia Vilar, do subtema “Luz”, como Melhor Fotografia do concurso.

A fotografia é uma presença constante no quotidiano da setubalense, estudante de medicina. “Ando sempre com a máquina atrás à procura de novas coisas para fotografar, principalmente imagens da natureza, animais e monumentos”, revela.

O tema desta edição, “Um Olhar sobre o Desporto”, inspirou as cerca de mil imagens captadas pelas máquinas dos 25 concorrentes do concurso, dinamizado ao longo de 12 horas, que proporcionou momentos de lazer e convívio e deu a conhecer cantos e recantos do concelho.

“Parabéns aos participantes, que, sem eles, não haveria concurso”, felicitou o vereador com o pelouro da Juventude, Pedro Pina, aproveitando para agradecer o apoio da Canon e da Fnac, empresas que estiveram presentes na cerimónia de entrega de prémios, representadas por Hugo Luz e Mário Filipe.

A fotografia é “uma língua que o município não descura”, assinalou o autarca, para se referir ao programa dos 110 anos do fotógrafo setubalense Américo Ribeiro, a decorrer no concelho ao longo de 2016, com “um programa cultural abrangente que engloba várias atividades para a população”.

Após a entrega de prémios na Sala José Afonso da Casa da Cultura, foi inaugurada, no Espaço das Artes, no mesmo equipamento, a exposição com as melhores imagens da prova, incluindo a melhor fotografia, de Sofia Vilar, a par das 18 películas classificadas com menções honrosas.

A mostra, patente naquele local até dia 25, pode ser visitada de terça-feira a sábado, das 16h00 às 19h30 e das 20h30 às 23h00, assim como aos domingos, das 16h00 às 20h00.

A exposição, de caráter itinerante, é depois apresentada no Bar Carpe Noctem, na Praça Machado dos Santos, na Fonte Nova, entre 3 e 30 de junho, passando, durante um ano, por diversas galerias e espaços do concelho.

A 13.ª Maratona Fotográfica de Setúbal contou com os patrocínios e apoios de Fnac, Canon, CityPrint, Luidgi Fotógrafos, Foto Vitória, Hotel do Sado, Hotel Aranguês, Hotel Bocage, dos espaços de restauração dois.seis.cinco, Museu do Choco, Batikanos, Docinho de Mel e Botequim de Bocage e ainda de Tiagos Clínica, Vertigem Azul, Brejarte, Vitória Futebol Clube, Capricho Setubalense e junta de freguesia da Gâmbia, Pontes e Alto da Guerra. O jornal Semmais participou como media partner.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign