23 de Outubro de 2017
13º
max. 25º
min. 10º
notícias
iniciativas em destaque
fotografia 11 de Maio de 2015
Fotografia vale prémios para jovens

Ana Castela, com o primeiro lugar na categoria digital e duas fotografias galardoadas com menções honrosas, foi a grande vencedora da 12.ª Meia Maratona Fotográfica de Setúbal, cuja entrega de prémios decorreu no dia 9, na Casa da Cultura.

A prova, organizada pela Câmara Municipal de Setúbal, com o apoio e patrocínio de várias entidades, contou com a participação de mais de duas dezenas de fotógrafos amadores, que, no dia 7 de março, percorreram o concelho à procura das melhores imagens para ilustrar o tema principal, “Bocage: Vida e Obra”.

Ana Castela, 27 anos, natural de Setúbal, a participar no concurso municipal há três anos consecutivos, arrecadou o melhor conjunto de fotografias nos 12 subtemas a concurso dedicado ao poeta setubalense, num ano em que se celebram os 250 anos do aniversário de Bocage.

“De todas as participações, esta foi a mais difícil. O tema era complicado, mais abstrato, e não bastava fazer fotografias mais óbvias”, afirma a jovem fotógrafa, que apostou num conjunto de imagens captadas a cores e a preto e branco. “Não tive nenhuma estratégia em especial”, revela.

A aventura de Ana Castela na Meia Maratona Fotográfica de Setúbal é sempre feita a três, na companhia do irmão e de um amigo. “Todos os anos, há sempre algo diferente a descobrir na cidade. Um recanto que não é tão conhecido, um ângulo ou uma perspetiva menos reparada”, frisa.

Sobre a melhor imagem que captou no concurso, a jovem setubalense não tem dúvidas. “Foi uma fotografia noturna, captada no subtema Estrofe III, e que me deu bastante gosto e prazer de a fazer”, revela sobre o instantâneo que valeu, igualmente, uma menção honrosa.

Para o próximo ano a competição está posta de lado, até porque vai integrar o grupo de jurados que avalia os futuros participantes. “Não vou poder entrar na competição mas vou tentar participar só pelo gosto pela fotografia e também para acompanhar os meus companheiros de maratona”, adianta, a sorrir.

Na 12.ª Meia Maratona Fotográfica de Setúbal, integrada no programa municipal m@rço.28, que assinala localmente o Mês da Juventude, Ana Castela obteve ainda duas menções honrosas com imagens captadas nos postos de controlo com os subtemas “Estrofe III” e “Índia”.

Sofia Jorge, com três distinções nos subtemas “Estrofe II”, “Autorretrato” e “Erotismo”, arrebatou o segundo lugar do pódio e o Prémio Jovem Revelação, uma novidade na edição deste ano do concurso, enquanto Marta Banza, com menções honrosas em “Poesia” e “Feminismo”, ficou em terceiro.

A participar pela primeira vez na iniciativa municipal, Sofia Jorge, 20 anos, teve uma estreia de sonho com vários prémios conquistados. “Foi um dia de inspiração, apesar da dificuldade do tema, que me fez puxar muito pela criatividade para captar imagens diferentes”, confessa.

A fotografia é uma presença constante no quotidiano da setubalense, estudante universitária. “Ando sempre de máquina em punho à procura de novas coisas para fotografar, sejam novos motivos ou outros já captados mas que pedem um olhar mais atento e diferenciador”, revela.

O júri da prova foi constituído por Hugo Tavares e Mário Peneque, ambos da Câmara Municipal de Setúbal, André Carvalho, vencedor da edição do ano passado, José Luís Andrade, diretor do jornal Setúbal na Rede, e Cília Costa, em representação do Centro de Estudos Bocageanos.

“Bocage: Vida e Obra” foi o tema que inspirou as mais de mil imagens captadas pelas objetivas dos 22 fotógrafos amadores que participaram este ano no concurso, dinamizado ao longo de 12 horas, que proporcionou momentos de lazer e convívio e deu a conhecer pormenores culturais e naturais do concelho.

“Parabéns a todos os participantes que utilizaram a cidade de Setúbal como uma tela para captarem imagens e momentos com a orientação temática da vida e obra de Bocage”, realçou o diretor do Departamento de Cultura, Educação, Desporto, Inclusão Social e Juventude da Autarquia, Luís Liberato.

A participação na 12.ª Meia Maratona Fotográfica de Setúbal, frisou, fomentou “momentos de convívio de um grupo de pessoas com um interesse comum”, a paixão pela fotografia, e que resultaram “num conjunto de imagens de qualidade e com grande criatividade”.

Luís Liberato sublinhou que os 250 anos do aniversário do nascimento do poeta setubalense “são celebrados ao longo de um ano, com início a 15 de setembro [Dia da Cidade e de Bocage], com um programa cultural abrangente que engloba várias atividades para a população”.

Equipamento fotográfico, fins de semana em unidades hoteleiras locais, vales de lojas de fotografia e de restaurantes e ainda vinhos foram alguns dos prémios atribuídos na 12.ª Meia Maratona Fotográfica de Setúbal, com o apoio e patrocínio de várias entidades sediadas no concelho.

Após a entrega de prémios na Sala José Afonso, foi inaugurada, no Espaço das Artes, igualmente na Casa da Cultura, a exposição com as melhores imagens da prova, incluindo a melhor fotografia, de Joana Dionísio, a par das 18 imagens classificadas com menções honrosas.

A mostra, patente naquele local até ao dia 28, pode ser visitada de terça-feira a sábado, das 16h00 às 19h30 e das 20h30 às 23h00, assim como aos domingos, das 14h30 às 23h00. A exposição, de caráter itinerante, é depois mostrada, durante um ano, em diversas galerias e noutros espaços do concelho.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign