18 de Outubro de 2017
16º
max. 20º
min. 14º
notícias
iniciativas em destaque
economia 09 de Outubro de 2015
Indústria investe na área do ambiente

A AICEP Global Parques formalizou no dia 8 à tarde a adesão à ENA – Agência de Energia e Ambiente da Arrábida, organismo que integra diversas instituições e empresas numa estratégia conjunta de sustentabilidade ambiental e eficiência energética.

A presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, destacou, na cerimónia, realizada no Centro de Negócios BlueBiz, a importância desta parceria “para a AICEP Global Parques e para as empresas com quem se relaciona” e para “o desenvolvimento da ENA e dos seus projetos”, mas igualmente para o próprio Município de Setúbal, “que quer um bom desenvolvimento económico e empresarial, com preservação e proteção do ambiente natural”.

O acordo, assinado pelo presidente do Conselho de Administração da ENA, Manuel Pisco, e pelo presidente da Comissão Executiva da AICEP Global Parques, Francisco Mendes Palma, especializada em gestão e localização de parques empresariais, nomeadamente o BlueBiz, traduz a intenção de aprofundar a difusão de boas práticas ambientais e de eficiência energética no setor industrial.

A ENA, criada em 2006 pelos municípios de Setúbal, Palmela e Sesimbra para o desenvolvimento de estratégias e ações de promoção da preservação ambiental e de melhoria da eficiência energética, conta com a parceria de diversas empresas e instituições, nomeadamente o Instituto Politécnico de Setúbal, a EDP, a Volkswagen-AutoEuropa, a FIAPAL, a Log-Z, a Fertagus, os Transportes Sul do Tejo, a Schréder e a Amarsul.

“Como nós, estas empresas e entidades sabem que os recursos do planeta são finitos e que todos têm a responsabilidade de os preservar para as gerações vindouras. No presente contexto, a necessidade de poupança energética e a racionalidade no uso dos recursos naturais obrigam a que andem de mãos dadas a sustentabilidade ambiental e a sustentabilidade económica das empresas”, salientou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal.

A autarca referiu que estes princípios de sustentabilidade ambiental e económica adquirem em Setúbal uma relevância acrescida por se tratar de uma região que “gera significativa parcela do Produto Interno Bruto Nacional, com empresas de tecnologia de ponta e muitas empresas instaladas na fileira do ambiente”, dotada de três reservas ambientais.

“Temos para o concelho uma estratégia ambiental bem desenhada, dividida em cinco eixos de desenvolvimento”, sublinhou. “À cabeça surge a valorização ambiental, logo seguida pela educação ambiental. Seguem-se, embora com igual importância para nós, a salubridade e limpeza pública, a qualificação do espaço urbano e dos espaços verdes e, finalmente, a qualidade geral do ambiente.”

A autarca enumerou um conjunto de ações desenvolvidas pela Câmara Municipal de Setúbal na área do ambiente, nomeadamente no quadro dos objetivos da Agenda 21, em que incluem um Plano de Ação para a Energia Sustentável, em desenvolvimento com um Plano de Comunicação Ambiental, a publicação, já concretizada, de um Guia de Boas Práticas Ambientais, um sítio de internet dedicado exclusivamente às temáticas ambientais e outro, denominado Ambiente Júnior, de educação ambiental das crianças em idade escolar.

Maria das Dores Meira adiantou ainda que uma delegação municipal vai a Bruxelas no dia 15 “assinar o Pacto de Autarcas para um ambiente sustentável”, e acrescentou que a Autarquia conta, “em breve, subscrever o Compact of Mayors, no âmbito da ONU, abrangendo municípios de todo o planeta”.

No âmbito da relação da Câmara Municipal de Setúbal com a ENA têm sido desenvolvidos vários projetos em parceria com outros municípios e empresas. São os casos da Matriz Energética dos municípios e empresas, do Cadastro de Iluminação Pública, do programa de Eficiência Energética nos Municípios, da Recolha de Óleos Alimentares Usados, do programa YAECI – Indicadores anuais de custo da energia, e ainda do Eco Lux, para a poupança de energia em edifícios públicos, e do Eco Save, com um Guia para a Poupança de Energia dos Utilizadores Domésticos.

“Na área da formação e educação ambiental, destaco o programa ‘Batalha da Energia’, dirigido às escolas, e a formação de Tutores de Energia nas Escolas e de Gestores de Eficiência Energética”, indicou.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign