21 de Outubro de 2017
16º
max. 21º
min. 13º
notícias
iniciativas em destaque
certame 22 de Julho de 2013
Milhares abrem Feira de Sant'Iago

Perto de 50 mil pessoas passaram pela Feira de Sant’Iago no primeiro fim de semana do certame, a decorrer em Setúbal até 4 de agosto, com música, tasquinhas e divertimentos para todas as idades, dedicado à Serra da Arrábida.

“Estamos numa fase de plena consolidação da feira neste espaço, comprovado pela cada vez maior afluência de público. Em 2012 foram mais de 410 mil os visitantes e este ano serão muitos mais”, sublinhou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, no dia 20,  à noite, na abertura oficial do certame.

A Arrábida e o processo de candidatura da serra da Património Mundial da Humanidade da Unesco, um dos principais motivos de interesse da Feira de Sant’Iago, estão retratados num pavilhão com cerca de 200 metros quadrados instalado perto da entrada junto da Escola Secundária D. Manuel Martins.

O espaço “Arrábida, um lugar sagrado”, envolto numa zona delimitada por água, a lembrar o azul do rio Sado, é composto por quatro áreas distintas que dão a conhecer os valores incomensuráveis que fazem da Arrábida, um património que deve ser de todos.

A candidatura da serra a Património Mundial, assim como o respetivo percurso do processo, agora nas mãos da Unesco, estão também patentes na exposição fotográfica e documental, apoiada por vários elementos multimédia que mostram aos visitantes as razões pelas quais a região – e o País – veem a Serra da Arrábida como um tesouro natural e cultural a usufruir e preservar pela Humanidade.

Outro motivo de interesse é a exposição "Setúbal, Participação e Cidadania", patente na entrada institucional da Feira de Sant’Iago, com a qual, afirmou Maria das Dores Meira, se pretende “deixar um testemunho das mudanças e transformações de que a cidade tem sido palco”.

Neste pavilhão, vários prismas iluminados, separados por áreas de intervenção, dão a conhecer à população e os visitantes da cidade os grandes projetos, ações e iniciativas que, nos últimos quatro anos, contribuíram de forma positiva para requalificação de Setúbal e para a melhoria das condições de vida dos munícipes.

“A Feira de Santiago cumpre o seu papel nesta afirmação de Setúbal como principal polo de desenvolvimento, principal centralidade da península de Setúbal. O papel de grande festa de cultura, de grande festa popular, de grande mostra de atividades sociais e económicas”, reforçou a autarca.

A abertura deste espaço foi acompanhada de um momento de animação teatral dinamizado pelo TAS – Teatro Animação de Setúbal.

No discurso oficial de abertura do certame, Maria das Dores Meira salientou, igualmente, a capacidade de reinvenção e renovação da Feira de Sant’Iago, virtude reconhecida “pelas novas e jovens gerações de setubalenses que sempre a conheceram aqui, como a grande festa da sua cidade”.

A Feira “adapta-se à cidade conforme Setúbal se vai transformando”, vincou a edil setubalense, adiantando alguns dos novos grandes projetos que a Autarquia está a trabalhar com o intuito de reforçar a atratividade e imagem urbana e melhorar a qualidade de vida das populações.

O Parque Verde da Várzea, uma grande zona de lazer que visa o reforço da sustentabilidade ambiental, foi uma das ações lançadas pela presidente da Câmara Municipal de Setúbal, assim como o Terminal 7, um centro de apoio às atividades náuticas que concretiza a reabilitação completa da frente ribeirinha poente, e a nova Biblioteca Pública Municipal.

O primeiro momento de animação musical do certame aconteceu logo na cerimónia de abertura, num espetáculo que juntou o Coro Afina Setúbal, composto por funcionários da Autarquia, ao conjunto típico setubalense “Os Massacotes”, num repertório com músicas de Mário Regalado, e o hino da Feira de Sant’Iago.

A zona institucional, este ano instalado num espaço aberto, também perto da entrada, está mais ampla e serve de passagem para o coração do recinto, onde as tasquinhas, os stands de venda e os divertimentos centram as atenções de miúdos e graúdos. 

As caipirinhas, o moscatel e ginjinha servem de aperitivo para a zona de divertimentos e exposições do certame, igualmente servido de uma feira do livro. A tradicional Bolacha Piedade, as farturas e o algodão doce acompanham o público a caminho da zona de espetáculos, com atuações musicais todos os dias.

Um concerto com Rita Guerra, no dia 20, abriu o programa musical da Feira de Sant’Iago e aqueceu o muito público presente no recinto nas Manteigadas. No dia 21, a noite foi dinamizada pelo espetáculo Quim Gouveia Rock’n’Roll e uma atuação dos Trio Odemira.

Nesta edição há uma área na qual o público pode conviver e interagir de perto com os artistas, também com sessões de autógrafos, enquanto numa iniciativa promovida pela rede social Facebook, a organização realiza concursos que dão a oportunidade às pessoas de visitar os camarins dos artistas e de conhecer os bastidores do palco Setúbal.

Já no Palco Mundo, dinamizado pelas associações multiculturais e agentes culturais do Concelho, há momentos musicais e demonstrações de danças tradicionais durante os 16 dias da Feira de Sant’Iago, este ano com a temática “À Luz da Arrábida”.

Para ver, estar e sentir, a Feira de Sant’Iago conta ainda com a tradicional Feira do Livro, uma reforçada zona de venda de artesanato, torneios e ceias medievais e provas de diversas modalidades desportivas, tudo numa grande feira com mais de três centenas de feirantes e expositores.

“Assim é a nossa Feira de Santiago, festa setubalense e dos setubalenses, para o mundo, com 431 anos, que, apesar de tudo o que traz sempre de novo, mantém o que é velho, o que é tradicional da nossa cidade”, afirmou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal.

Esta semana, o programa musical inclui as atuações das bandas jovens Hills Have Eyes, The Doups e More Than a Thousand, a 22, com início às 21h30, e o espetáculo “Viagem ao Mundo da Música”, com Carla Ribeiro, Noah, Ana Rita Inácio, Telmo Neto, Filipe Delgado e Be4rs, a 23.

David Carreira dá um concerto a 24 e, no dia seguinte, a 25, há uma noite de novos talentos musicais, com a presença dos Surveillance e Mundo Escuro, premiadas no Concurso de Bandas de Garagem de Setúbal, e dos Skills and the Bunny Crew, como grupo convidado.

Ainda em julho, sobem ao principal palco da Feira de Sant’Iago os Wraygunn, a 26, enquanto Ana Laíns e Miguel Araújo repartem atenções a 27. No domingo, a 28, o dia é das famílias, num espetáculo com Winx e Vila Moleza, às 20h00, seguindo-se um concerto com Leandro, às 22h30.

Na zona do miradouro, está o espaço “Sant’Iago Quinhentista”, uma animação histórica com atividades pagas, que inclui a ceia "Seja nobre no século XVI", nos dias 26, 27 e 28 de julho e 2, 3 e 4 de agosto, e o espetáculo “Conheça os treinos de dois corajosos cavaleiros do Século XV”, a 3 de agosto.

Do programa da Feira de Sant’Iago 2013, além de atuações de teatro de rua, de eventos desportivos no Pavilhão Municipal das Manteigadas e de aulas abertas de grupo no recinto, faz parte uma tourada, a realizar a 3 de agosto, na Praça de Touros Carlos Relvas.

O recinto funciona das 14h00 à 01h00 de domingo a quinta-feira, encerrando às 02h00 às sextas e sábados. A programação completa está disponível em www.feira-santiago.org.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign