22 de Outubro de 2017
11º
max. 20º
min. 10º
notícias
iniciativas em destaque
exposição 18 de Setembro de 2014
Música setubalense em mostra

Perto de uma centena de capas de álbuns de artistas setubalenses e de outros músicos com ligação a Setúbal são mostradas na exposição “A Canção do Mar”, patente até 28 de outubro na Casa da Cultura.

A mostra, uma resenha histórica da música setubalense, com trabalhos produzidos em Setúbal e registados em disco entre 1960 e 1999, atravessa vários períodos e tendências musicais, com obras de artistas pimba, fadistas, músicos de rock, populares, tradicionais e eruditos.

“A Canção do Mar”, patente no anexo da Galeria de Exposições da Casa da Cultura, é composta por cerca de cem álbuns, em vinil e em CD, entre os quais diversas raridades das coleções privadas de Pedro Brinca, Pedro Soares, Tiago Carvalho e Fernando Paixão.

“Autores e Compositores”, “Instituições”, “Os Tradicionais”, “Família Crispim”, “Os Fadistas”, “Os Românticos”, “José Afonso”, “Os Modernos”, “Os Alternativos” e “Miscelânia” são subtemas da exposição, na qual constam ainda monografias, partituras e cassetes de áudio e de vídeo.

A mostra “A Canção do Mar”, complementada com pequenos resumos biográficos de artistas setubalenses, pode ser visitada naquele equipamento municipal até 28 de outubro, de terça a quinta-feira das 10h00 às 24h00, às sextas e sábados até à 01h00 e aos domingos até às 20h00.

Paralelamente à exposição, a iniciativa do Setúbal na Rede – SNR, Associação para a Cidadania e da Experimentáculo – Associação Cultural, inclui duas tertúlias, uma já realizada, no dia 14, na inauguração da mostra “A Canção do Mar”.

A segunda sessão da tertúlia “Musicando: A Canção do Mar – Artistas de Setúbal”, agendada para dia 28, às 17h00, na Sala José Afonso, conta com as intervenções de Pedro Brinca e Pedro Soares, que abordam a história da música setubalense dos anos 50 a 90.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign