23 de Outubro de 2017
11º
max. 26º
min. 9º
notícias
iniciativas em destaque
Música 28 de Setembro de 2011
Outubro festeja a música

A música está em destaque em Setúbal ao longo de outubro, com um vasto programa cultural, promovido pela Câmara Municipal, para assinalar o dia mundial desta arte, que se cumpriu no dia 1.

O primeiro concerto teve lugar ainda em setembro, no dia 30, a partir das 21h30, no Auditório Carlos Alberto Ferreira Júnior, na Sociedade Filarmónica Perpétua Azeitonense, com a atuação da banda da Força Aérea Portuguesa.

Para o dia 1 estiveram reservados vários espetáculos e atividades. Workshops musicais para os mais novos, promovidos pela Sociedade Musical Capricho Setubalense, seguidos de um concerto da banda filarmónica daquela coletividade, realizaramm-se, a partir das 10h00, no Largo da Misericórdia.

No mesmo dia, mas às 15h00, na sede da Capricho, teve início um outro workshop, desta feita dedicado a música eletrónica. A Capricho acolhe outra oficina, dia 8, às 15h00, dedicada à guitarra elétrica.

O compositor Amílcar Vasques Dias, intérprete de piano e de música eletroacústica, atuou no dia 1, às 21h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho. Meia hora depois, nas instalações da delegação regional do Inatel, teve início um concerto do Coral Luísa Todi e do respetivo coral infantil.

A música regressou na noite de dia 7, na Cooperativa de Habitação e Construção Económica “Bem-Vinda a Liberdade”, com o projeto vERSONS A DUO, conduzido pelo músico açoriano João da Ilha, que se fez acompanhar pelo acordeão de Nuno Carpinteiro, num serão em que foram exploradas canções de autor e modas tradicionais portuguesas.

A iniciativa, promovida pelo Teatro do Elefante e por aquela cooperativa do Faralhão, repete-se no dia 21, à mesma e no mesmo local, com João da Ilha a atuar, desta vez, com o percussionista Rui Rosado. Neste segundo concerto são interpretados temas de José Afonso, António Variações e Vitorino, bem como cantigas tradicionais açorianas.

O grupo Os Músicos do Tejo, fundado por Marcos Magalhães, atuou na noite de dia 7, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, num espetáculo dedicado à música antiga.

Na mesma noite, o powerpop e o indie dos Iconoclasts subiu ao palco do bar ADN em concerto promovido pela associação cultural Experimentáculo.

O percussionista e compositor azeitonense Pedro Carneiro, aclamado na área da música erudita como um dos melhores intérpretes do mundo de xilofone, vibrafone e tímbales, atuou no dia 8, às 18h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

A finalizar o programa do dia 8, a partir das 21h30, no Auditório Carlos Alberto Ferreira Júnior, houve um concerto da banda da Sociedade Filarmónica Perpétua Azeitonense.

O folclore e o tradicional, ritmados em jeito de músicas do mundo, são apresentados no dia 14, às 22h00, na “Bem-Vinda a Liberdade”, pelos Uxu Kalhus, em mais uma produção conjunta do Teatro do Elefante e da cooperativa do Faralhão.

Em paralelo, no mesmo dia e à mesma hora, mas na sede da Capricho, sobem ao palco os Hills Have Eyes, concerto de hard-rock promovido por aquela coletividade.

A poesia de Sebastião da Gama serve de base ao grupo e-Vox que apresenta, no dia 15, às 21h30, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, o concerto “Pelo sonho é que vamos”.

Os sonhos continuam a servir de inspiração ao programa comemorativo “Mês da Música”, realizando-se, no dia 16, às 16h00, no Auditório José Afonso, o espetáculo “Unidos pelo sonho”, que junta o hip hop BC Live e convidados.

Noutro registo, Deolinda de Jesus, Maria do Céu, Maria Madalena e Nuno Mega são os artistas que atuam no dia 20, a partir das 22h00, na Casa da Baía, em mais um concerto do programa “Fado em Setúbal”.

A Big Band dos Loureiros e a acordeonista Celina da Piedade, intérprete que acompanhou por várias vezes os projetos de Rodrigo Leão, atuam no dia 21, às 22h00, na Capricho Setubalense.

O estilo dos concertos promovidos pela Capricho divergem logo a seguir, dia 22, às 22h00, na sede da coletividade, com os The Doups, banda setubalense de blues e rock e segunda classificada entre os 900 grupos participantes no Supajam “Fast track to Heineken FIB”, a apresentar, nesta noite, o novo álbum “Small Town Gossip”.

Ainda a 22, pelas 21h30, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, atua o Grupo Coral da Escola Secundária de Bocage, enquanto, na mesma altura, no Made In Café, no Parque Urbano de Albarquel, tem início o V Abraçar Setúbal, espetáculo com vários artistas promovido pela Tuna Sadina.

O festival “Ecos do Sado”, certame organizado pela Ecos dedicado ao rock, decorre nos dias 28, no bar ADN, 29, na Capricho Setubalense, sempre a partir das 22h00, e 30, às 16h00, no Club Setubalense.

Celina da Piedade e a monitora Leónia de Oliveira apresentam o “Novo Baile Antigo” no dia 28, às 22h00, na “Bem-Vinda a Liberdade”, um serão dedicado às danças populares europeias. Este é mais um espetáculo organizado pelo Teatro do Elefante e a cooperativa de habitação.

O Coral Luísa Todi junta as comemorações dos 50 anos da primeira atuação ao programa do “Mês da Música”, atuando no dia 29, às 21h30, na Igreja de Santa Maria.

O ciclo “Fado em Setúbal” regressa no dia 29, às 22h00, ao Forte de S. Filipe, com as atuações de António Almeida, Inês Duarte, Maria Madalena e Sara Margarida.

O “Mês da Música” faz-se também com cinema, com um ciclo promovido pela associação Experimentáculo na Galeria-Bar La Bohème. A exibição de obras cinematográficas que têm em comum o tema do mundo da música decorre, sempre a partir das 22h00, nos dias 5, 12, 19 e 26.

A mesma associação cultural dinamiza, ainda, as tertúlias “Musicando – Conversas com música dentro”, também no La Bohème, às 22h00. Em cada uma das sessões, agendadas para os dias 6, 13, 20 e 27, é abordada uma década específica da música portuguesa, com início nos anos 60 e término nos 90. Os debates são enriquecidos com a passagem de músicas das épocas retratadas.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign