18 de Outubro de 2017
14º
max. 18º
min. 15º
notícias
iniciativas em destaque
comemorações 27 de Abril de 2015
Poder Local festeja 25 de Abril

Inaugurações de equipamentos sociais, de desporto e de apoio a serviços autárquicos marcaram parte das festividades do vasto programa comemorativo que assinalou no dia 25, em Setúbal, os 41 anos da Revolução dos Cravos.

“Muitos podem perguntar por que razão escolhemos o 25 de Abril para inaugurar obras, apresentar novidades, abrir novos equipamentos. Fazemo-lo porque entendemos que esta é a melhor forma de evidenciar as capacidades dessa força geradora de progresso que é o Poder Local Democrático instituído com a revolução de Abril”, sublinhou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal durante a inauguração oficial da nova pista de BMX, junto do Parque Verde da Bela Vista.

Durante o dia, Maria das Dores Meira, juntamente com elementos do Executivo municipal, inaugurou a Pista Municipal de BMX, mas também o novo Polo Operacional de Vanicelos, da União de Freguesias de Setúbal, bem como um espaço de lazer no Bairro 25 de Abril, um parque urbano em Brejos de Azeitão e, na Aldeia Grande, as novas instalações do Agrupamento 484 de Escuteiros de Nossa Senhora da Anunciada e da associação de moradores.

Uma das notas dominantes nas intervenções da presidente da Câmara Municipal foi enaltecimento do Poder Local e da delegação de competências nas juntas de freguesia. “A inauguração do Polo Operacional de Vanicelos é também resultado do processo de descentralização de competências para as freguesias encetado pela edilidade. É um aperfeiçoamento do Poder Local Democrático instaurado em Abril. Deste processo resulta maior capacidade de resposta, maior celeridade na resolução de problemas.”

As novas infraestruturas em Vanicelos foram possíveis graças à cedência de um terreno municipal à União de Freguesias de Setúbal. O presidente da junta de freguesia, Rui Canas, sublinhou que, com o novo polo, a equipa de profissionais que lidera tem agora maior autonomia e eficácia operacional para intervir em questões que são da responsabilidade daquela autarquia, como serviços de varredura, manutenção de espaços verdes e apoio às escolas.

“Os funcionários deixam de depender, por exemplo, do transporte da junta de freguesia para se deslocarem até Vanicelos para a execução de tarefas. Com estas instalações, com capacidade para servir nas melhores condições até vinte trabalhadores, ganha-se cerca de uma hora de trabalho por dia, tempo esse que fica ao serviço da população”, frisou Rui Canas.

Maria das Dores Meia salientou que entre 2001 e 2017 o valor das transferências da Câmara Municipal para as juntas de freguesia totaliza 11 milhões e 108 mil euros, montante que, segundo a autarca, demonstra a importância que a política de descentralização de competências assume no concelho.

Também no Bairro 25 de Abril, na freguesia de S. Sebastião, o Executivo inaugurou um espaço de lazer e de atividade física pensado especialmente para a população sénior.

Num local onde se verificava um sério problema de insalubridade e saúde pública, a junta de freguesia procedeu à requalificação do espaço numa intervenção desenvolvida por administração direta e com o apoio direto da Câmara Municipal.

“Falámos com as pessoas, depois falámos com a Câmara Municipal e, todos juntos, resolvemos este problema”, salientou o presidente da Junta de Freguesia de S. Sebastião, Nuno Costa.

O projeto, que incidiu num pequeno largo próximo da Rua António Aleixo, consistiu na colocação de um novo pavimento e no arranjo urbanístico da área em causa, onde foram também instalados vários equipamentos geriátricos para atividade física.

Toda a intervenção representou um investimento da ordem dos 18 mil euros, tendo a Câmara Municipal de Setúbal realizado o projeto e cedido materiais para as obras.

Em Brejos de Azeitão, onde anteriormente existia uma terreno baldio, encontra-se agora um parque urbano, também conhecido por Parque do Morango, equipamento que, como sublinhou a presidente da Junta de Freguesia de Azeitão, Celestina Neves, foi possível graças “ao enorme apoio dado pela Câmara Municipal, como também por várias empresas locais”.

O espaço, dotado de um parque infantil e de uma zona de espetáculos, vai ter em funcionamento em breve um café e recebe, já em junho, a Festa do Morango.

Já na Aldeia Grande, a presidente da Câmara Municipal inaugurou a Casa Comunitária, “que será extremamente importante para as crianças e os seniores da população da aldeia, que há muito precisava de um espaço para se reunir”.

As novas instalações resultam do trabalho em conjunto com o Corpo Nacional de Escutas, que abdicou do local que ocupava há mais de vinte anos em prol das necessidades apontadas pela população.

O Agrupamento 484 dos Escuteiros de Nossa Senhora da Anunciada tem como sede as novas instalações que foram construídas ao lado do edifício original, o qual, depois de requalificado pela população local, é agora utilizado pela associação de moradores.

Além de inaugurações, a festa do 25 de Abril fez-se através de diversas manifestações culturais. Na noite da véspera, a 24, entre outros eventos, atuou a Brigada Victor Jara na Praça de Bocage, seguindo-se um espetáculo de fogo de artifício.

Já no dia 25, o coro Lima Vox, constituído por alunos da Escola Secundária Lima de Freitas, tocou temas de Abril nas arcadas dos Paços do Concelho, após uma cerimónia do hastear da bandeira e de uma sessão solene da Assembleia Municipal.

A presidente da Câmara Municipal e um representante da delegação de Setúbal da URAP – União de Resistentes Antifascistas Portugueses colocaram coroas de flores no Monumento à Resistência, localizado na Avenida Luísa Todi.

Pedro Soares, em representação da URAP, sublinhou na cerimónia “a energia criadora do 25 de Abril” e o impacte da Revolução dos Cravos na sociedade, advento que fez com que “a Europa e o Mundo vissem a agenda marcada pelos acontecimentos em Portugal”.

Maria das Dores Meira realçou a importância de se continuar a assinalar os acontecimentos que mudaram o País em 1974. “Para que não esqueçamos que houve fascismo, para que não esqueçamos que houve 25 de Abril.”

Parte das comemorações foi pontuada por momentos de chuva, o que não impediu que a festa se realizasse ao longo do dia. A presidente da Câmara Municipal, na cerimónia do Monumento à Resistência, período em que se registaram aguaceiros mais persistentes, recordou com humor uma observação de um elemento da Brigada Victor Jara no concerto da noite do dia 24: “Esta chuva ainda é pública. Temos de usufruir dela antes que o Governo a torne privada.”

As comemorações em Setúbal do 25 de Abril prosseguem até 1 de maio em vários pontos do concelho. O programa completo pode ser consultado em www-mun-setubal.pt.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign