17 de Outubro de 2017
18º
max. 21º
min. 14º
notícias
iniciativas em destaque
ambiente 04 de Maio de 2015
Requalificação urbana em debate

“Infraestruturas Verdes e Resiliência Territorial” é o título de um seminário a realizar no dia 9, no NNIES – Ninho de Novas Iniciativas Empresariais de Setúbal, no qual são debatidos temas relacionados com a requalificação sustentada de espaços urbanos.

A iniciativa, organizada pela Câmara Municipal de Setúbal e pela Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT) da Universidade Nova de Lisboa, conta com as intervenções, na sessão de abertura, às 09h00, do vereador do Urbanismo da Autarquia, André Martins, e da subdiretora daquele estabelecimento de ensino, Graça Martinho.

Com inscrições gratuitas e a decorrer até sexta-feira, mediante a lotação do auditório do NNIES, o seminário aborda no primeiro painel de alocuções, com início às 09h30, o tema “Infraestruturas Verdes, Estruturas Ecológicas, Rede de Corredores Verdes e Planeamento Ambiental”.

Este período inclui as intervenções de José Carlos Ferreira, da FCT, que fala sobre “Infraestruturas Verdes e Serviços Territoriais”, de Carlos Pina, da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional de Lisboa e Vale do Tejo, que desenvolve sobre “Estrutura Ecológica Regional, princípios e implementação da infraestrutura verde regional”, e de Vasco Raminhas, da Câmara Municipal de Setúbal, com uma apresentação dedicada ao tema “Infraestrutura Verde Local, Estrutura Ecológica e a Rede de Corredores Verdes”.

A manhã termina com uma sequência de apresentações sobre “Requalificação e valorização ambiental de frentes ribeirinhas e oceânicas”.

Intervêm neste quadro temático Fernando Travassos, pela Câmara Municipal, com “Programa de Ação Territorial da Frente Ribeirinha de Setúbal”, Paulo Pardelha, do município de Almada, com uma exposição sobre “Requalificação e Valorização da Fonte da Telha (Plano de Pormenor)”, Luís Matas de Sousa, da Câmara Municipal de Vila Franca de Xira, que fala sobre “Parque Linear Ribeirinho”, e um representante da autarquia de Sesimbra, responsável por uma abordagem sobre o “Programa Integrado de Valorização da Frente Marítima de Sesimbra”.

Os trabalhos são retomados ao início da tarde, às 14h00, altura em que começa o segundo painel, relacionado com “Mobilidade e construção sustentável”.

“Setúbal em Movimento – Mobilidade para Todos”, por José Madeira, técnico municipal, “Jardins Verticais e Coberturas Verdes”, a cargo de Miguel Raposo, da Terracel, e “Telhado Vivo da ETAR de Alcântara”, por Luís Gomes, da SimTejo/Águas de Portugal, são as apresentações agendadas.

“Requalificação e valorização ambiental de linhas de água” dá o mote ao painel de intervenientes com início às 15h00.

Filipa Calvário, da Câmara de Setúbal, faz uma apresentação intitulada “Parque Urbano da Várzea – Regularização da Ribeira do Livramento e Controlo das Cheias Urbanas”, enquanto Carlos Bernardes, da autarquia de Torres Vedras, explora a temática “Requalificação da Praia de Porto Novo e da Foz do Rio Alcabrichel”, e Helena Alves, da Agência Portuguesa do Ambiente, realiza uma alocução sobre “Conservação e Gestão dos Ecossistemas Ribeirinhos”.

O último painel de participantes, previsto para as 16h30, sobre “Produção Local de Alimentos, Hortas Urbanas e Comunitárias”, constituído unicamente por representantes municipais, inclui as comunicações “Hortas Urbanas das Amoreiras: A tradição da agricultura regressa à cidade”, por Sérgio Gaspar, de Setúbal, “Agricultura Urbana e Sustentabilidade das cidades, o caso das ‘Hortas de Cascais’”, por André Miguel, e “Hortas Urbanas do Seixal”, por Sónia Lança.

A sessão de encerramento do encontro “Infraestruturas Verdes e Resiliência Territorial” está agendada para as 17h30.

As inscrições e mais informações sobre o seminário estão disponíveis através do endereço risk@campus.fct.unl.pt, devendo os interessados indicar o respetivo nome e contacto.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign