19 de Outubro de 2017
16º
max. 22º
min. 15º
notícias
iniciativas em destaque
energia 15 de Outubro de 2015
Tecnologia de olho nos watts

Uma tecnologia inovadora que permite a melhoria dos índices de eficiência energética, com benefícios para o ambiente e reduções nos custos de energia, foi instalada recentemente em edifícios de Setúbal com gestão municipal.

O Wattguard, instalado no Mercado 2 de Abril e no Pavilhão João dos Santos, foi implementado pela Câmara Municipal de Setúbal no âmbito da ação “A Luz Certa no seu Município”, dinamizada pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos através do Plano de Promoção de Eficiência no Consumo de Energia Elétrica.

A colocação desta tecnologia nos dois imóveis, após a realização de auditorias energéticas, materializa um investimento global de 14.732,67 euros, com a Câmara Municipal a assumir 12.863,58 euros e a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos a assegurar o montante remanescente, no valor de 1.869,09 euros.

A tecnologia, também designada de “green box”, compatível apenas com sistemas de iluminação menos eficientes, como fluorescente, vapor de sódio de alta pressão e iodetos metálicos, é composta por um conjunto de características inovadoras baseadas em transformadores com núcleos de contenção em metal.

O novo equipamento, cuja parte mais visível consiste num sofisticado quadro elétrico, permite a otimização de sistemas de iluminação mais antigos, solução alternativa à mudança de luminárias e balastros eletrónicos para opção por lâmpadas mais recentes e eficientes, nomeadamente LED.

No Mercado 2 de Abril, o Wattguard permite uma redução de consumo energético anual de 17.884 quilowatts, o que materializa uma poupança financeira de 3063 euros. No caso do Pavilhão João dos Santos, a diminuição de gasto de energia de 23.626 quilowatts é traduzida na economia de 3893 euros anuais.

A redução do consumo de energia elétrica, um dos benefícios alcançados com a implementação da nova tecnologia, resulta de um conjunto de especificações técnicas do equipamento, que resultam, nomeadamente, na diminuição da amplitude de variação da corrente e da tensão, sem alteração da frequência.

Além da economia da potência consumida pelas lâmpadas, através da diminuição da corrente e da tensão de alimentação do circuito de iluminação, o incremento da intensidade luminosa, através do aumento da geração de fotões ultravioleta por watt, é outra das mais-valias do Wattguard.

No âmbito do investimento realizado em Setúbal, cuja monitorização da eficácia energética da tecnologia é assegurada pela ENA – Agência de Energia e Ambiente da Arrábida, a Autarquia concretizou a substituição de lâmpadas que se encontravam em fim de ciclo de vida.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign