22 de Outubro de 2017
20º
max. 21º
min. 10º
notícias
iniciativas em destaque
televisão 07 de Julho de 2014
Telenovela divulga Setúbal

O “enorme interesse para a cidade e para o concelho” na gravação de uma telenovela em Setúbal foi salientado na assinatura do protocolo de colaboração entre a Câmara Municipal e a SP Televisão, numa cerimónia realizada no Fórum Luísa Todi.

No âmbito do acordo, celebrado no dia 4, a Autarquia concede a isenção de taxas, em cerca de 72 mil euros, e apoio logístico à SP Televisão, que vai produzir para a SIC a telenovela “Mar Salgado”, já em gravações até abril de 2015.

“Encaramos estes apoios como um investimento na cidade e nos setubalenses”, salientou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, assegurando a rentabilidade “em todos os aspetos”, em matéria de visitantes turísticos e da projeção do nome da cidade de Setúbal, a “capital da margem norte do Sado”.

Maria das Dores Meira referiu que, num ranking das cidades que mais exportam em Portugal, divulgado pelo Instituto Nacional de Estatística, Setúbal é a quarta cidade geradora de riqueza.

Setúbal, das cidades que “mais contribuem para a riqueza nacional”, coloca-se, por exemplo, à frente do Porto, posicionado em 11.º lugar, a Oeiras, em 5.º, e a Sintra, em 7.º lugar do ranking.

A autarca sublinhou que a escolha de Setúbal para palco de uma série televisiva, além da visibilidade diária num dos canais televisivos, durante praticamente um ano, em prime time, com audiências acima de um milhão de espetadores, é um “excelente indicador” da importância do concelho, nomeadamente pela “qualidade e capacidades dos setubalenses e azeitonenses”.

António Parente, presidente do conselho de administração da SP Televisão, salientou que, “durante dez meses. são 300 pessoas na produção da novela e durante um ano um milhão de pessoas a seguir este trabalho”.

Um produto que pode ser seguido não só em Portugal, como em Moçambique e Angola.

“Os efeitos da telenovela são muito grandes”, assegurou António Parente, uma vez que as pessoas interessam-se e visitam a região.

O representante da SP Televisão congratulou-se pelo protocolo de colaboração com a Câmara Municipal de Setúbal para que tudo corra bem. “Há uma luta contra o tempo” para se conseguir gravar, em cerca de cem dias, o número de cenas estipulado diariamente.

António Parente, dirigindo-se a Maria das Dores Meira, “uma grande amiga” que não via há trinta anos e que reencontrou em “circunstâncias anormais”, salientou que com a telenovela pretende “levar Setúbal a outros cantos do mundo e contribuir para o desenvolvimento da região”.

Para tal, a SP Televisão compromete-se a denominar as povoações e os lugares pelo respetivo topónimo e, sempre que possível, designar Setúbal como a Capital da Margem Norte do Sado.

Além da isenção de taxas no total de 71.880 euros, o protocolo de colaboração refere que cabe à Autarquia desenvolver as diligências necessárias junto de outras entidades públicas para as gravações nas zonas ribeirinhas e garantir o apoio ao nível da segurança e eventuais intervenções de trânsito.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign