26 de Fevereiro de 2017
13º
max. 16º
min. 7º
Câmara Municipal
iniciativas em destaque
A Capital da Margem Norte do Sado

Caros Munícipes, Caras Munícipes,

O ato eleitoral de setembro passado revelou a vontade dos setubalenses e azeitonenses que escolheram prolongar um ciclo de extraordinário desenvolvimento e transformação do seu concelho.

Negá-lo é negar a própria realidade.

Setúbal é hoje um concelho diferente, que se modernizou.

Que, pela via da qualificação das suas estruturas, da criação de mais e melhores condições na área da educação, da inclusão social, da cultura e do desporto, se afirma como a Capital da Margem Norte do Sado, dá melhores condições de vida às suas populações e atrai mais gente.

Um concelho que, pela via da criação de melhores métodos de funcionamento da autarquia, oferece novas condições para atrair mais investimento e gerar mais trabalho e mais emprego.

Aqui chegámos, daqui partimos de novo.

Daqui partimos para um novo ciclo de trabalho com novas ideias, umas em construção, outras já bastante avançadas na sua concretização.

O nosso trabalho assentará nos três vetores estratégicos definidos no programa que apresentámos em setembro e nos quais, aliás, assentou parte considerável de toda a nossa comunicação política.

Vamos fazer Mais Cidade, e com isto queremos significar que entendemos a cidade de modo amplo como urbanidade, congregando todos os cidadãos e núcleos urbanos do concelho e as diversas áreas de intervenção relacionadas com os múltiplos aspetos que concorrem para a qualidade de vida das comunidades.

Vamos reforçar a aposta que já iniciámos para ter Mais Rio, pois o Sado é um elemento essencial na vida e no desenvolvimento do nosso território, sendo transversal às suas múltiplas expressões, das atividades económicas ao lazer, da vida social à relação e projeção de Setúbal no mundo.

Vamos reforçar a aposta na criação de emprego, e por isso afirmamos que queremos Mais Trabalho, desde a criação de emprego à sua qualificação, do incremento das atividades económicas à sua diversificação, do planeamento territorial à defesa dos valores ambientais.

É da conjugação destes três vetores estratégicos que se construirá o caminho para um concelho mais forte, mais inclusivo, onde haja mais trabalho e mais riqueza.

No contexto destes três vetores, assumimos como objetivos a concretizar neste mandato, condicionados, naturalmente, pelas realidades financeiras existentes a cada momento e pelos apoios que forem disponibilizados, obras como a recuperação completa do Convento de Jesus e a requalificação de toda a área envolvente, a construção da nova Biblioteca Pública Municipal de Setúbal, do novo Parque Urbano da Várzea, do “Terminal 7 – Centro de Interpretação do Mar”, continuando a ação de devolução do rio à cidade, no seguimento das intervenções no Parque Urbano de Albarquel e Passeio Ribeirinho da Praia da Saúde, e ainda a construção de um Parque de Estacionamento subterrâneo na baixa da cidade.

Vamos também criar as condições para intervir nos centros históricos de Setúbal e Azeitão com a criação das Áreas de Reabilitação Urbana.

Destaco, porém, uma iniciativa que é de enorme importância para a cidade, pela qualidade de vida acrescida que proporcionará, mas também pela possibilidade que nos dá de resolver, ou melhor, minorar um problema de décadas da nossa cidade e que é o problema das cheias.

Refiro-me ao Parque Urbano da Várzea, iniciativa municipal cujos projetos estão já bastante avançados, e que permitirá constituir enormes bacias de retenção das águas da Ribeira do Livramento que, em caso de chuvas intensas, serão ali depositadas e libertadas controladamente para evitar as cheias na Baixa da cidade.

Permitirá, por outro lado, uma importante requalificação da principal entrada da cidade, oferecendo-lhe um novo desenho urbano e novas funcionalidades de circulação automóvel.

Tenho afirmado que Setúbal é, sem qualquer margem para dúvidas e sob todos os pontos de vista, uma das mais importantes cidades de Portugal.

Fomos, somos e seremos uma das mais importantes cidades do país.

Sei, porém, que ainda há muito por fazer. Por isso, afirmámos com tanta intensidade que queremos Mais Cidade, Mais Rio, Mais Trabalho.

Fomos ouvidos pelos setubalenses. Aqui estamos para continuar a trabalhar. Para, com todos e para todos, continuar a fazer Mais Setúbal!

 

Maria das Dores Meira

Presidente da Câmara Municipal de Setúbal

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign