20 de Outubro de 2017
18º
max. 23º
min. 17º
História
iniciativas em destaque
início > Concelho > História > Personalidades > A casa das “Canas Verdes”
A casa das “Canas Verdes”

Grande parte da então vila de Setúbal foi arrasada pelo terramoto de 1755. A casa da Rua das Canas Verdes, onde viveram os pais de Bocage, também sofreu danos. Há quem insista que foi aí que nasceu o poeta.

A casa situada na Rua das Canas Verdes, em Setúbal, junto do Largo de Santa Maria, foi habitada pela avó de Manuel Maria Barbosa du Bocage, Clara Francisca Joaquina Xavier Lustoff du Bocage, que regressou de Lisboa após enviuvar.

Clara Francisca nasceu nessa casa e, segundo indica Adelto Gonçalves, professor catedrático de Literatura da Universidade de Lisboa, na sua obra “Bocage, o Perfil Perdido”, com base em documentos do Instituto dos Arquivos Nacionais/Torre do Tombo, a avó do poeta “foi senhora e única proprietária”.

No entanto, em Setúbal, Clara Francisca nem sempre viveu nessa casa, existindo registos de que também residiu na Travessa de Francisco Pereira, na freguesia de S. Sebastião.

As filhas, Antónia Inácia e Mariana Joaquina, mãe do poeta, cresceram na casa da Rua das Canas Verdes, junto da Igreja de Santa Maria.

APOIOS

AMRS
Setúbal é um Mundo
Câmara Municipal de Setúbal. ©
Todos os direitos reservados

website concebido por dodesign