17° Nublado
Tomada de posse ARPI

Os novos corpos sociais da Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos de São Sebastião (ARPISS) tomaram posse, a 11 de fevereiro, para o biénio 2020-2022, em sessão solene participada, que contou com a presença de representantes da Junta de Freguesia de São Sebastião, do Centro Social Paroquial D. Manuel Martins e Cáritas Diocesana de Setúbal.


Eleitos no passado dia 4 de fevereiro, os novos membros da direção da ARPISS, tomaram posse perante dezenas de associados que encheram o salão da sede da associação, sito na Quinta de Santo António, algo que gerou muita satisfação por parte do presidente da Junta de Freguesia de São Sebastião que afirmou ser “muito importante que os sócios participem ativamente na vida das coletividades”.

Nuno Costa salientou a relevância do papel das associações de reformados na qualidade de vida das pessoas que estão agora na sua 3.ª idade. “Podem ser uma força tremenda na chamada de atenção para os direitos dessa faixa da população, do ponto de vista social, cultural e político”, referiu, o autarca que transmitiu a sua profunda vontade de que “esta associação assuma a missão e a responsabilidade de proporcionar qualidade de vida aos seus associados nos aspetos social, político, cultural, e de lazer”.

O líder do executivo da Junta garantiu que a autarquia “está inteiramente disponível, tal como esteve no passado” para trilhar o caminho da associação. “Esperamos que sejam arrojados e que trabalhem em prol dos vossos associados, porque isso é trabalhar para uma freguesia mais solidária, mais justa e mais inclusiva”, concluiu.

O recém empossado presidente da direção da ARPISS, Ricardo Santos, garantiu que os novos órgãos sociais vão “trabalhar para as pessoas”.

Do novo plano de atividades constam diversas iniciativas culturais, tais como bailes – o primeiro a realizar já dia 23 de fevereiro, para comemorar o Carnaval – ginástica, caminhadas, cantares, pintura, assim como comemoração de datas importantes como o 25 de Abril ou o 1º de Maio. Desse planeamento constam igualmente diversas obras nas infraestruturas da sede da associação, tais como a requalificação das casas de banho.

Mostrando total disponibilidade para com os associados, Ricardo Santos, pretende que o espaço da associação seja “de partilha, convívio e amizade” e predispõe-se a criar um gabinete de apoio “para aconselhar e ajudar quem precisar”.

Consciente das dificuldades, o dirigente apelou à colaboração de todos, associados, entidades públicas e privadas. “Não é fácil, mas estou convicto que com este grupo de trabalho vamos ultrapassar os obstáculos para dignificar o nome desta associação”, manifestou o antigo autarca que presidiu à extinta Junta de Freguesia da Anunciada e que lidera a Cooperativa de Pescas Sesibal.

“Os associados depositam grandes esperanças em vocês”, afirmou José Carlos Silvestre, membro da Mesa da Assembleia-Geral cessante. “Espero que honrem o vosso compromisso e que o vosso mandato seja de mudança”, expressou, indicando a importância da ARPISS, a qual constitui “um centro cívico que combate o isolamento, promove o direito ao envelhecimento ativo, o convívio e a participação social, dando resposta às necessidades desta camada da população”.

Após a formalidade do ato de tomada de posse, o Padre Constantino Alves, representante do Centro Social Paroquial Dom Manuel Martins, mostrou-se disponível para uma colaboração que poderá envolver um protocolo com a Clínica Social Dentária. O pároco de Nossa Senhora da Conceição comprometeu-se também a ser “o sócio mais ativo” da associação.

Já Domingos Ferreira de Sousa, presidente da Cáritas Diocesana de Setúbal, felicitou os novos membros e expressou a sua confiança na “experiência e boa vontade” da nova direção para gerir a coletividade.