A sessão, de entrada livre, com início às 14h30, conta com a participação do autor, Nuno Quintas, e integra o programa de Comemorações dos 265 anos do Nascimento de Luísa Todi, organizado pela Câmara Municipal de Setúbal.

O livro, com ilustrações de Inês Galo, dá a conhecer à população, sobretudo aos mais novos, uma personalidade nascida em Setúbal que brilhou no mundo das artes dentro e fora de Portugal.

As escolas podem inscrever-se para assistir ao encontro através do contacto telefónico da biblioteca, 265 537 240.

Luísa Rosa de Aguiar, nome de solteira, nasceu em Setúbal, na atual Rua da Brasileira, no Bairro do Troino, a 9 de janeiro de 1753, estreando-se no mundo do espetáculo como atriz, em Lisboa, cidade para onde foi viver com os pais.

Após conhecer Francesco Saverio Todi, violinista de origem italiana, com quem veio a casar com apenas 16 anos, encetou uma carreira que a tornou a maior cantora lírica portuguesa de sempre, alcançando êxitos nas principais salas europeias, em Londres, Paris, Berlim, Turim, Varsóvia, Veneza, Viena e São Petersburgo.

Luísa Todi faleceu em Lisboa, a 1 de outubro de 1833, com 80 anos.