13° Vento

Os progressos tecnológicos aliados à gestão e organização do desporto foram destacados no dia 6 de dezembro pelo vereador Pedro Pina, da Câmara Municipal, na abertura de um seminário a decorrer hoje em Setúbal.


A influência das tecnologias da informação na transformação do método de organização do desporto, ao nível da análise do treino e das regras desportivas, e no controlo do desempenho dos atletas e dos equipamentos utilizados, foi sublinhada pelo autarca na abertura do V Seminário de Gestão do Desporto de Setúbal, no Cinema Charlot – Auditório Municipal.

“Estas são apenas algumas das áreas nas quais hoje dispomos de informações, serviços e produtos preciosos que estão a motivar outra forma de ler e entender o desporto neste primeiro quarto do século XXI”, referiu o vereador com o Desporto perante uma sala cheia.

Pedro Pina destacou a associação da revolução tecnológica à permanente inovação em curso e a influência desta junção ao nível dos fatores de competitividade.

O autarca referiu ainda que as organizações desportivas e a gestão do desporto não podem alhear-se deste fenómeno de evolução tecnológica e que “terão de saber adaptar as suas estratégias de governança a este novo contexto, que, cada vez mais, explora as oportunidades vindas, em especial, das tecnologias digitais”.

A manhã da quinta edição do Seminário de Gestão do Desporto de Setúbal – Desporto e Tecnologia, organizado pela Câmara Municipal de Setúbal, contou com um momento de reflexão sobre o tema “As Conceções e as Oportunidades para as Novas Tecnologias no Desporto”.

Vítor Manuel dos Santos, da Universidade Nova de Lisboa, abordou o tema “As Engenharias de Sistemas no Desporto: (Novas) Tecnologias no Desporto e Bem-Estar”. A fechar o painel, houve um debate sobre esta temática, moderado pela professora de Ciências do Desporto do Instituto Politécnico de Setúbal, Teresa Figueiredo.

No segundo painel, “Os Programas e as Novas Tecnologias na Gestão do Desporto”, estiveram Filipe Esteves, da empresa agap2IT, que falou sobre “A Tecnologia a Potenciar a Próxima Geração de Jogadores”, e Tiago Maia, do Sport Lisboa e Benfica, que analisou “O Apoio da Tecnologia na Análise do Jogo Através de um Exemplo Prático”.

O V Seminário de Gestão do Desporto de Setúbal prossegue com os contributos de outros especialistas nos domínios da gestão do desporto e das novas tecnologias, com o painel “As Tecnologias no Desporto – Casos e Experiências”, em que José Pereira, da Federação Portuguesa de Ténis, fala sobre “Hawk Eye no Ténis”, e João Beckert, do Centro de Alto Rendimento do Jamor, apresenta o tema “Tecnologias em Uso e Novas Perspetivas no CAR Jamor”. A moderação destas intervenções é da responsabilidade do jornalista da RTP Paulo Sérgio.

O V Seminário de Gestão do Desporto de Setúbal constitui um momento de reflexão e debate para agentes desportivos públicos e privados, com o objetivo de partilhar experiências, práticas, percursos, perspetivas e opiniões. É uma ação reconhecida pelo Instituto Português do Desporto e da Juventude com um crédito da componente de formação geral.