Dia do Moscatel 2024 - iniciativa em Lisboa

Os 117 anos da região demarcada do Moscatel de Setúbal foram assinalados a 10 e 11 de maio num evento especial, com exposição, apresentações e degustações vínicas na Sala Ogival da Viniportugal, no Terreiro do Paço, em Lisboa.


Para comemorar o Dia do Moscatel de Setúbal, a Câmara Municipal, a Comissão Vitivinícola Regional da Península de Setúbal e a Rota de Vinhos da Península de Setúbal organizaram um evento para partilhar e dar a conhecer ao público singularidades do vinho licoroso setubalense.

O evento contou com a participação de produtores da Península de Setúbal, que, ao longo de dois dias, tiveram oportunidade de apresentar diferentes referências vínicas produzidas com casta Moscatel de Setúbal, as quais puderam ser degustadas e também adquiridas pelos visitantes.

Destaque, no primeiro dia, para uma happy-hour dinamizada pela Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal na qual foram preparados os cocktails Bocage e Luísa Todi, ambos elaborados à base de Moscatel de Setúbal e produtos regionais, e servidas mousse de café aromatizada com Moscatel de Setúbal.

Outro dos momentos altos foi a realização da mesa-redonda “O Moscatel de Setúbal e a Oferta Enoturística impulsionada pelas Mulheres”, com contributos de dez mulheres que testemunharam e relataram a experiência de trabalho no setor de atividade que outrora era maioritariamente masculino.

Participaram neste encontro Ana Varandas, da Herdade de Espirra, Elsa Sousa, da Venâncio da Costa Lima, Filipa Tomaz da Costa, da Bacalhôa Vinhos de Portugal, Isabel Palhoça, da Fernão Pó Adega, Isabel Pereira, da Quinta do Monte Alegre, e Jacinta Sobral, da Serenada.

A mesa-redonda realizada no feminino teve ainda contributos de Renata Madeira, da Herdade da Comporta, Susana Madeiras, da Adega Cooperativa de Palmela, Sofia Soares Franco, da José Maria da Fonseca, e Vanda Paiva, da Herdade Canal Caveira.

No dia seguinte, realce para duas provas orientadas, uma das quais intitulada “A casta rainha da Península de Setúbal”, pelo sommelier Gonçalo Patraquim, para analisar os vinhos Venâncio da Costa Lima Moscatel de Setúbal, Quinta do Piloto Moscatel de Setúbal Superior, Horácio Simões Excellent Moscatel de Setúbal, JMF coleção privada DSF Moscatel de Setúbal Cognac e JMF Alambre 20 anos.

Já na outra prova, orientada por Luís Mendes, da AVIPE de Moscatéis Roxos – Best Muscats du Monte, com participação esgotada, estiveram em escrutínio o Moscatel Roxo da Adega Cooperativa Santo Isidro de Pegões, o Moscatel Roxo de Setúbal José Maria da Fonseca Alambre 5 anos, o Moscatel Roxo Venâncio da Costa Lima e o Moscatel Casa Ermelinda Freitas Roxo Superior.