Eventos Setúbal Saudável incide a sua intervenção na procura de dar resposta aos pedidos de colaboração de várias entidades para organizarem iniciativas na área da saúde, bem como num programa próprio definido pelo Gabinete de Saúde, com e para a comunidade.

Hospital dos Pequeninos – Edição Setúbal

O Hospital dos Pequeninos é um projeto com origem na EMSA (European Medical Students Association) que tem como objetivo reduzir o medo da Bata Branca nas crianças dos 3 aos 7 anos.

Através de um jogo de representação, cada criança leva ao “Hospital” um dos seus brinquedos que estará doente e precisa de ser curado.

Com a ajuda dos estudantes da Faculdade de Medicina de Lisboa, a criança e o seu brinquedo passarão por várias estações como Triagem, Consultas, Cirurgia, Dentista, Farmácia e Nutricionista, na tarefa de curar o brinquedo.

7 Dias do Coração

A Liga dos Amigos do Serviço de Cardiologia do Hospital de São Bernardo, em Setúbal, considerando que no âmbito das doenças cardiovasculares pode desempenhar um papel na melhoria da qualidade de vida das pessoas doentes e na promoção da saúde organiza os “7 Dias do Coração”,  em Setúbal, normalmente em meados de maio, com a colaboração do Centro Hospitalar de Setúbal, EPE, da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, da Faculdade de Motricidade Humana, da Câmara Municipal de Setúbal, do Corpo de Voluntariado da Liga dos Amigos do Hospital de São Bernardo e da delegação de Setúbal da Cruz Vermelha Portuguesa.

Esta iniciativa, dedicada à população em geral, tem como principais objetivos:

  • Promoção da Educação para a Saúde e Rastreio dos seguintes fatores de risco cardiovascular: Tabagismo, Hipertensão arterial, Hipercolesterolemia, Obesidade, Diabetes;
  • Avaliação do risco de diabetes e do risco cardiovascular a 10 anos;
  • Promoção de medidas de estilo de vida saudável (alimentação e exercício físico);
  • Rastreio da fibrilhação auricular e esclarecimentos sobre hipocoagulação oral;
  • Informação sobre a angina de peito e o enfarte agudo do miocárdio;
  • Rastreio da Insuficiência cardíaca e informação sobre a doença.

“ Uma cidade saudável é aquela que está continuamente a criar e a desenvolver os seus ambientes físico e social, e a expandir os recursos comunitários que permitem às pessoas apoiarem-se mutuamente nas várias dimensões da sua vida e no desenvolvimento do seu potencial máximo”.

Goldstein e Kickbusch (1996) in Rede Portuguesa de Cidades Saudáveis, 1996