17° Céu limpo
A Floresta Muito Mais do Que Madeira - exposição - Largo José Afonso

A exposição “A Floresta. Muito mais do que madeira”, sobre o ecossistema florestal e as principais espécies arbóreas da Península Ibérica, patente em Setúbal entre 6 de março e 25 de abril, foi visitada por mais de 12 mil pessoas.


 

Em Setúbal, a mostra que destaca um dos ecossistemas terrestres com maior biodiversidade no mundo, recebeu um total de 12.179 visitantes, entre os quais 7870 correspondem ao público em geral. Registo ainda para 4309 visitas de grupos, das quais 3046 foram provenientes da comunidade escolar.

A exposição “A Floresta. Muito mais do que madeira” incluiu ainda a dinamização de um ciclo de conferências organizadas pelo Exploratório – Centro Ciência Viva de Coimbra em parceria com a Fundação “la Caixa”, com apoio da autarquia, com reflexões sobre temas relacionados com a mostra.

“A árvore e a cidade”, por Ana Raquel Lopes, “A relevância do Bosque Ibérico na História Peninsular”, a cargo de Jorge Paiva, “À conversa sobre plantas invasoras: o que são, onde estão e como as controlar”, por Elisabete Marchante, e “Dos tangíveis aos intangíveis florestais”, por Paulo Magalhães, foram temas explanados nas sessões realizadas na Casa da Baía.

A exposição “A Floresta. Muito mais do que madeira” está agora em Matosinhos, cidade na qual fica patente até Matosinhos até 26 de junho.