Novo Terminal Rodoviário
Parque Urbano da Várzea

Na sequência da conclusão das obras de implementação do Terminal Rodoviário da Várzea, situado a norte do prolongamento da Avenida de Moçambique – Parque Urbano da Várzea – e tendo em consideração o atual estado de degradação da Estação Rodoviária de Setúbal, situada na Avenida 5 de Outubro, os serviços de transporte público rodoviário de passageiros passaram a ter a uma nova centralidade, desde 11 de fevereiro de 2021, na Várzea.

O Terminal da Várzea é um equipamento de apoio ao transporte rodoviário na cidade de Setúbal e é o primeiro a integrar a Rede de Interfaces de âmbito local enquadrado no Plano de Mobilidade Sustentável e Transportes de Setúbal. Com características de complementaridade à obra do Terminal Intermodal, em construção na cidade de Setúbal (INTERFACE de Setúbal), localizado na Praça do Brasil, este assume um papel central de distribuição do transporte público no concelho até à conclusão daquela obra, cujo término se encontra previsto para abril.

Com esta infraestrutura perspetiva-se melhorar não só as condições de acesso aos transportes públicos pela população, em especial no setor norte da cidade, como aliviar o estacionamento de longa duração em áreas do centro urbano da cidade, como o Bairro Salgado, Avenida 5 de Outubro e envolventes. Nesta localização, os utentes do transporte público dispõem ainda de um leque mais alargado de estacionamento gratuito e melhores condições de estadia nas suas deslocações pendulares.

Esta estrutura é gerida pelos TST/ARRIVA, na sequência de acordo celebrado com a Câmara Municipal de Setúbal.

Em 2022 dará entrada como novo operador de transportes públicos de passageiros no concelho de Setúbal o vencedor do concurso lançado pela Área Metropolitana de Lisboa para a aquisição do serviço público de transporte de passageiros regular, por modo rodoviário, com a duração de sete anos, o agrupamento concorrente liderado pela NEX Continental Holdings SL (composto pela NEX Continental Holdings SL, TRANSVIA SL e a empresa Transportes Luísa Todi, Lda.), denominado ALSATODI. Através deste concurso as expectativas baseiam-se num importante salto qualitativo no serviço de transporte público rodoviário, uma vez que vai ser necessário dar cumprimento a um conjunto de exigências em termos de acessibilidades a pessoas com mobilidade reduzida, assim como de prestação de serviços complementares, desde informação a bordo, climatização, wi-fi, entre outros.

Ou seja, além do significativo incremento da oferta, são preconizadas metas como a diminuição da idade da frota, maior eficiência, mais informação, maior qualidade no serviço prestado, mais sustentabilidade ambiental e responsabilidade social.

O novo Terminal Rodoviário da Várzea é constituído por paragens/abrigos, bilheteiras, equipamento de apoio a motoristas e bar/quiosque para passageiros.

ALTERAÇÕES NOS SERVIÇOS

Novo Terminal Rodoviário da Várzea
Clique na imagem para ampliar

O que muda, ponto a ponto:

  • Carreira 230 Sesimbra – Setúbal
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais do terminal, da Avenida 5 de Outubro. No entanto, em acréscimo será implementada uma paragem em cada sentido com localização próxima deste terminal. Como terminal desta carreira ficarão as paragens, já existentes, junto do Hospital de São Bernardo.
  • Carreira 413 Freeport – Setúbal
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais do terminal na Avenida 5 de Outubro, que é transferido para a parte exterior deste terminal.
  • Carreira 605 Setúbal – Varzinha/Palmela (Est.)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais do terminal na Avenida 5 de Outubro, que é transferido para a parte exterior deste terminal.
  • Carreira 561 Setúbal – Lisboa (Via Ponte 25 Abril)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais do terminal, da Avenida 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 562 Setúbal – Lisboa (Via Ponte Vasco Gama)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais do terminal, da Avenida 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 563 Setúbal – Lisboa (Via Ponte Vasco Gama e Pinhal Novo)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais do terminal, da Avenida 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 751 Setúbal – Outão
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais terminal, da Avenida 5 de Outubro, em acréscimo será implementada uma paragem em cada sentido com localização próxima do mesmo. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 754 Setúbal – Lisboa (Via AE e Casal Marco)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais terminal, da Avenida 5 de Outubro, em acréscimo será implementada uma paragem em cada sentido com localização próxima do mesmo. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 755 Setúbal – Lisboa (Via Laranjeiro)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais terminal, da Avenida 5 de Outubro, em acréscimo será implementada uma paragem em cada sentido com localização próxima do mesmo. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 770 Setúbal/Quinta Conde
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais terminal, da Avenida 5 de Outubro, em acréscimo será implementada uma paragem em cada sentido com localização próxima do mesmo. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 783 Setúbal/Cacilhas
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do lugar/cais terminal, da Avenida 5 de Outubro, em acréscimo será implementada uma paragem em cada sentido com localização próxima do mesmo. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o terminal do parque da Várzea.
  •  Carreira 709 Landeira – Setúbal
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do terminal, da Avenida 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o Terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 758 Lagameças – Setúbal
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do terminal, da Avenida 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o Terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 764 Aguas Moura – Setúbal (via Biscainho)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do terminal, da Avenida 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o Terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 774 Biscainho (Gâmbia) – Setúbal
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do terminal, da Avenida 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o Terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 779 Algeruz – Setúbal
    Esta carreira mantem todas as paragens com exceção do terminal, da Avenida. 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o Terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 756 Mitrena – Setúbal (via Estefanilha)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do terminal, da Avenida 5 de Outubro. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o Terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 757 Portucel – Setúbal (via Estefanilha)
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do terminal, da Avenida 5 de Outubro, em acréscimo será implementada uma paragem em cada sentido com localização próxima deste terminal. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o Terminal do parque da Várzea.
  • Carreira 776 Mitrena – Setúbal
    Esta carreira mantém todas as paragens com exceção do terminal, da Avenida 5 de Outubro, em acréscimo será implementada 1 paragem em cada sentido com localização próxima deste terminal. O lugar/cais terminal destas carreiras será deslocalizado para o Terminal do parque da Várzea.

Tome também nota:

  • As carreiras a seguir referidas mantêm todas as paragens e terminais atuais: 601; 602; 604; 607; 608; 609; 610; 612; 614; 616; 767; 768; 780; 781; 797;
  • As carreiras sazonais (verão) não sofrem alterações dado que nenhuma faz paragem de términus no interior do terminal da Av. 5 de Outubro;
  • A Rede Nacional de Expressos, a Rodoviária do Alentejo e a FLIXBUS são igualmente deslocalizadas para o Terminal da Várzea.