15° Parcialmente nublado
Orquestra Gulbenkian

A Orquestra Gulbenkian, dirigida pelo maestro e violinista francês Raphaël Oleg, apresenta um reportório de compositores do século XIX no concerto de abertura da VI Temporada Sinfónica de Setúbal, dia 5, às 21h00, no Fórum Municipal Luísa Todi.


Ao longo de duas horas, o público tem oportunidade de assistir a um concerto que recupera “Peer Gynt”, a obra mais célebre do norueguês Edvard Grieg, a música de cena que escreveu para a peça homónima do dramaturgo, seu conterrâneo, Henrik Ibsen.

A Orquestra Gulbenkian, acompanhada pelo pianista Raúl da Costa, interpreta ainda a Sinfonia n.º 8, em Sol maior, op. 88, do checo Antonín Dvořák.

Os bilhetes para o espetáculo, à venda no Fórum Municipal Luísa Todi ou em www.bol.pt, custam 15 euros para a plateia e 12 para o balcão.

Criada em 1962, a Orquestra Gulbenkian, com mais de meio século de atividade, conta com um efetivo de 60 instrumentistas, podendo ser pontualmente expandido, que permite a interpretação de um reportório que abrange os principais períodos da história da música.

A VI Temporada Sinfónica de Setúbal, composta por diversos concertos, é um programa musical organizado pela Câmara Municipal.