20° Parcialmente nublado
A Câmara Municipal de Setúbal apresentou ou tem em preparação candidaturas realizadas no âmbito de linhas de apoio abertas pela Direção-Geral do Património Cultural para o desenvolvimento de projetos que visem a regeneração, requalificação e reabilitação dos espaços públicos com interesse para a valorização do património cultural do país.

Nesta página é facultada informação sobre os projetos apresentados pelo município de Setúbal, com candidaturas aprovadas no âmbito dos diferentes programas que beneficiam de cofinanciamento por parte da Direção-Geral do Património Cultural.

Os conteúdos são atualizados com novas candidaturas que venham entretanto a ser apresentadas e aprovadas. É possível consultar individualmente todos os projetos aprovados através dos resumos que explicam os aspetos principais de cada uma dessas ações.

Projetos Aprovados

  • Designação da operação
    Renovação e ativação da reserva técnica do Museu do Trabalho Michel Giacometti no Polo da Bela Vista em Setúbal
  • Programa
    Programa de Apoio a Museus da Rede Portuguesa de Museus
  • Data de aprovação
    03.07.2019
  • Investimento elegível
    27.610,00 €
  • Taxa cofinanciamento
    60,00%
  • Contribuição da Direção-Geral do Património Cultural
    16.566,00 €
  • Autarquia local
    11.044,00 €
Direção-Geral do Património Cultural

Descrição da Operação

O projeto pretende proceder a uma remodelação que permita tornar a reserva visitável em horário completo, num espaço esteticamente renovado, de modo a garantir, de modo moderno e eficiente, a visibilidade do acervo em exposição, viabilizando a realização de visitas guiadas de animação cultural em interação com escolas e famílias, bem como o reforço cultural e identitário das populações do bairro envolvente.

  • Designação da operação
    Museu do Trabalho Michel Giacometti | Um museu acessível a todos
  • Programa
    Programa de Apoio a Museus da Rede Portuguesa de Museus
  • Data de aprovação
    03.07.2019
  • Investimento elegível
    29.950,00 €
  • Taxa cofinanciamento
    60,00%
  • Contribuição da Direção-Geral de Património Cultural
    17.970,00 €
  • Autarquia local
    11.980,00 €
Direção-Geral do Património Cultural

Descrição da Operação

O projeto pretende dotar o Museu do Trabalho Michel Giacometti (MTMG) de um sistema de guias multimédia com conteúdos áudio e vídeo acessíveis, bem como dotar o serviço educativo de equipamentos que permitam a fruição das incursões na cidade (exemplos do Centro Histórico, lota e mercados, Forte de São Filipe) de forma plena, alargando assim o espectro de públicos-alvo constituído até à data.

O projeto deve permitir, ainda, ter equipamentos disponíveis para a realização de percursos de visita autónomos que, até à data, exigiam, pela falta de equipamento, a presença de um guia.

É também objetivo a reconversão dos conteúdos multimédia presentes no museu para o público surdo, cego, amblíope e estrangeiro. É urgente que todos os conteúdos do museu (objetos, filmes, repositório imaterial) estejam acessíveis, sem necessidade de intervenção dos técnicos, para que a autonomia dos cidadãos, em contexto de participação nas atividades ou em contexto de visitas, não seja comprometida ou não esteja dependente da presença de técnicos.