18° Nublado

Perto de cinco dezenas de profissionais da área do cinema refletiram sobre o panorama nacional das curtas-metragens num encontro nacional realizado no dia 3, na Escola de Hotelaria e Turismo de Setúbal.


O 2.º Encontro de Realizadores e Produtores de Cinema de Curta-Metragem, promovido pela 50 Cuts Associação Cinematográfica, com o apoio da Câmara Municipal de Setúbal através do programa Set’Curtas, contou com dois painéis temáticos subordinados ao tema “As parcerias como elemento de coprodução, divulgação e promoção cinematográfica”.

Os produtores Miguel Dias, da Agência de Curta-Metragem, Nuno Beato, da Sardinhas em Lata, e Daniela Soares, da Vende-se Filmes, intervieram na primeira parte do encontro, de manhã, com alocuções sobre a promoção da curta-metragem portuguesa no mercado internacional e sobre a importâncias das parcerias no processo criativo.

No painel da tarde, centrado na realização, participaram os cineastas Marco Martins, Filipa Reis e João Miller Guerra e a antropóloga Maria Miguel Cardoso, técnica do Museu do Trabalho Michel Giacometti, equipamento municipal que desenvolve um centro de memórias audiovisual.

A presidente da 50 Cuts Associação Cinematográfica, Diana Lima, sublinha o “êxito” da segunda edição do encontro, tendo em conta a “grande interação entre o público e os oradores, com todos os temas apresentados a suscitarem interesse e motivo de debate”.

Além disso, realça os “contactos estabelecidos entre os profissionais para possíveis trabalhos em conjunto”, o que “vai ao encontro do objetivo de apoio à criação e produção artística na área do cinema”.