15° Nublado
Selo Verde do Município de Setúbal

As inscrições para a segunda edição do Selo Verde, certificado de qualidade atribuído pela Câmara Municipal em parceria com a ENA – Agência de Energia e Ambiente da Arrábida para o incentivo e reconhecimento de boas práticas ambientais promovidas em Setúbal, decorrem entre 15 de janeiro e 14 de fevereiro.

Além do reconhecimento público pelas boas práticas ambientais, as entidades certificadas recebem prémios, nalguns casos monetários.

São elegíveis à atribuição do Selo Verde as seguintes entidades:

  • Escolas
  • Empresas
  • Juntas de freguesia
  • Movimento associativo

Objetivos

O projeto, criado em 2017 no âmbito da estratégia do Plano de Ação para a Energia Sustentável de Setúbal, na sequência da adesão do município ao Pacto de Autarcas, incentiva às boas práticas ambientais nos hábitos quotidianos, contribuindo para um melhor desempenho ecológico, ao nível coletivo e individual, e, consequentemente, para o desenvolvimento sustentável.

O Selo Verde garante, também:

  • O reconhecimento de práticas e ações que promovam a qualidade ambiental, nomeadamente na gestão eficiente de resíduos, da energia, da água, da mobilidade e consumo sustentáveis e, sobretudo, na redução das emissões de dióxido de carbono
  • Incentivar o desenvolvimento de novos procedimentos de qualificação e certificação ambiental
  • Inventariar e conferir reconhecimento municipal de entidades que já procederam à sua qualificação e certificação ambiental
  • O aumento da eficiência energética, com a consequente redução de consumos energéticos e emissões de dióxido de carbono
  • Estimular a implementação e utilização de energias renováveis

Apresentação de candidaturas e prémios

A certificação é atribuída gratuitamente.

As candidaturas ao Selo Verde, decorrem entre 15 de janeiro e 14 de fevereiro e podem ser efetuadas através do endereço de correio eletrónico gapae@mun-setubal.pt.

Mais informações através do telefone 265 537 000.

Os candidatos usufruem de uma auditoria de cariz energético e ambiental para identificação de medidas de boas práticas e aconselhamento técnico para futura implementação de soluções. Depois, em caso de melhoria da performance ambiental e energética, verificadas numa segunda auditoria, é atribuído o Selo Verde.

Ambas as auditorias, realizadas sem quaisquer custos para as entidades candidatas, são conduzidas por técnicos especializados da Câmara Municipal de Setúbal e da ENA, entidade responsável pela elaboração do relatório para avaliação final dos candidatos.

O Selo Verde, a Bandeira do Selo Verde e o Diploma do Selo Verde do Município de Setúbal são atribuídos aos participantes que completem com êxito o ciclo de desenvolvimento do projeto.

Podem ser atribuídos prémios, nalguns casos monetários, às juntas de freguesias e às escolas, apoios específicos para arborização urbana ou criação de novos espaços verdes, no caso das juntas, e para arborização ou ajardinamento do espaço escolar, para as escolas.

Já as empresas que obtenham o Selo Verde do Município de Setúbal são premiadas com a divulgação da obtenção da distinção em canais de comunicação da autarquia, nomeadamente em plataformas digitais, materiais promocionais e eventos de caráter turístico e ambiental.