20° Parcialmente nublado
Dia do Pescador - Deposição de Flores - Semana do Mar e do Pescador 2019

Os pescadores desaparecidos no mar foram homenageados no dia 31 com a deposição de uma coroa de flores e um cântico no Cemitério de Nossa Senhora da Piedade.


A iniciativa, por ocasião do Dia Nacional do Pescador, que se celebra a 31 de maio, organizada numa parceria entre a Câmara Municipal, a União das Freguesias de Setúbal e a Junta de Freguesia de São Sebastião, realizou-se junto do Memorial ao Pescador Setubalense Desaparecido.

Na cerimónia participaram a vereadora das Atividades Económicas, Eugénia da Silveira, o presidente da União das Freguesias de Setúbal, Rui Canas, e o presidente da Associação Família do Mar de S. Sebastião, Armando Oliveira.

Estiveram igualmente presentes na iniciativa de homenagem aos pescadores desaparecidos representantes do movimento Apostolado do Mar.

Após a deposição da coroa de flores no Memorial ao Pescador Setubalense Desaparecido pela vereadora Eugénia da Silveira e por Armando Oliveira foi rezada uma Ave Maria e foi entoado o cântico “Homem do Mar”, hino do Apostolado do Mar.

A homenagem insere-se no programa comemorativo da Semana do Mar e do Pescador, certame a decorrer até 2 de junho com o intuito de promover as tradições das comunidades piscatórias locais e a economia do mar.

Entre as perto de sete dezenas de atividades constantes do programa, o maior de sempre das quatro edições do evento, são de destacar a Mostra de Tradições Marítimas, dedicada a exposições de canas artísticas, apetrechos de pesca, trabalhos das ecoescolas, artesanato do mar e artefactos relacionados com os círios marítimos, que pode ser visitada até dia 2, das 09h00 às 23h00.

A Mostra Petiscos com Sabor a Mar, sobre gastronomia sadina confecionada por pescadores, que inclui animação musical à noite, decorre no Parque Urbano de Albarquel, tal como a de tradições marítimas, até domingo, entre as 11h00 e as 24h00.

O programa da Semana do Mar e do Pescador contemplou, igualmente no dia 31, uma visita de alunos de escolas do concelho à lota para assistirem à simulação de um leilão de pescado tradicional e eletrónico, numa colaboração com a Docapesca.

Às 17h00, realiza-se uma sessão de diagnóstico de necessidades formativas sobre a Economia do Mar, no Parque Urbano de Albarquel, em parceria com o FOR-MAR, a que se segue, às 18h00, uma degustação de ostras do Sado dinamizada pela Exporsado.

No dia 1, às 12h00, um almoço-comemorativo do Dia do Pescador com animação musical reúne a comunidade piscatória de Gâmbia em Pontal de Musgos.

À tarde, a partir das 17h00, no Parque Urbano de Albarquel, os mais pequenos podem participar na iniciativa “Azular o Fundo do Mar”, atelier de leitura dramatizada e movimento expressivo, pela autora e contadora de histórias Paula Farinhas.

Segue-se, às 18h00, uma degustação de ostras do Sado dinamizada pela Exporsado.

No último dia do programa, 2 de junho, às 10h00, o Parque Urbano da Albarquel é palco de uma corrida de botes a remos, a que se segue, duas horas depois, e a encerrar a Semana do Mar e do Pescador, um almoço-convívio comemorativo do Dia do Pescador com animação musical a cargo do conjunto típico “Os Alcorrazes”.

A Semana do Mar e do Pescador 2019, organizada pela Câmara Municipal, pelas juntas de S. Sebastião e de Gâmbia-Pontes-Alto da Guerra e pela União das Freguesias de Setúbal, tem como mecenas a Exporsado – Comércio e Indústria de Produtos do Mar, a Administração dos Portos de Setúbal e Sesimbra e a Mútua dos Pescadores.

Além da Docapesca, do FOR-MAR, da Associação Família do Mar, da Associação Portuguesa de Aquacultores, da Comunidade Piscatória de Gâmbia e do Instituto Politécnico de Setúbal, o evento conta com as parcerias da Associação Setúbal Pesca, da Associação Azul Bissexto, da SESIBAL, da Eco-Oil e das comissões das Festas de Nossa Senhora do Rosário de Troia, do Círio de Nossa Senhora da Arrábida e do Círio do Senhor do Bonfim.