24° Muito nublado
Feira de Sant'Iago 2019 | Entrada principal

As quatro candidaturas apresentadas pela Câmara Municipal de Setúbal ao concurso 7 Maravilhas da Cultura Popular, que visa evidenciar o património cultural material e imaterial de Portugal, foram aprovadas pelo conselho científico do certame.


A autarquia candidatou-se a quatro das sete categorias do concurso, concretamente Festas e Feiras, com a Feira de Sant’Iago, Lendas e Mitos, com a Lenda da Arrábida, Artefactos, com o Chapéu Descarregador de Peixe, e Procissões e Romarias, com a Festa de Nossa Senhora do Rosário de Troia.

As candidaturas foram aceites e validadas pelo conselho científico e o município de Setúbal já recebeu os selos de nomeados para cada um destes importantes elementos do património e da identidade setubalenses.

Com a participação nas 7 Maravilhas da Cultura Popular, a autarquia pretende promover e valorizar as tradições culturais e populares do concelho, com a candidatura de quatro patrimónios que unem os setubalenses há vários séculos.

Na próxima fase, o painel de especialistas vota para escolher três patrimónios em cada categoria, num total de 21 por distrito ou região autónoma. Os resultados desta seleção devem ser conhecidos no final de abril.

Na segunda fase de votação, a lista de 21 patrimónios regionais é reduzida a sete finalistas, independentemente da categoria em que estiverem inscritos, num total de 140 patrimónios finalistas a nível nacional, igualmente selecionado pelo painel de especialistas do concurso.

Os finalistas são apresentados para votação pelo público em vinte programas transmitidos em direto pela estação televisiva RTP entre julho e agosto.

A gala final em que são anunciadas as 7 Maravilhas da Cultura Popular deve decorrer em setembro.

Setúbal tem marcado presença nas várias edições do concurso Maravilhas de Portugal. O Portinho da Arrábida foi um dos vencedores das 7 Maravilhas Naturais de Portugal, em 2010, e a sardinha assada foi eleita uma das 7 Maravilhas da Gastronomia, em 2011.