Muito nublado
Obras na Escola de São Gabriel

A Escola Básica de São Gabriel recebeu um conjunto de intervenções dirigidas pela União das Freguesias de Setúbal, que procuraram melhorar a qualidade das instalações deste estabelecimento de ensino e garantir condições dignas para a comunidade escolar.


As obras concretizadas em novembro pelo valor de mais de 7.300 euros decorreram ao longo de dez dias e foram realizadas por uma equipa de seis trabalhadores da junta de freguesia.

A melhoria do espaço exterior foi uma das necessidades a serem atendidas, com a colocação de lancil em volta da caixa de areia existente para evitar a dispersão da mesma para o pavimento e com a construção de escoamento de água no ringue desportivo e nas traseiras da escola.

A melhoria de condições do sistema de iluminação mereceu especial atenção com a instalação de 150 lâmpadas LED em toda a escola, de 70 novos suportes elétricos e da recuperação dos já existentes no edifício.

No que diz respeito aos acessos da Escola Básica de São Gabriel, a União das Freguesias de Setúbal procedeu à construção de uma rampa de acesso à cantina pelo zona de recreio, destinada a pessoas com mobilidade reduzida.

Também o portão nas traseiras do estabelecimento de ensino sofreu alterações com a mudança do sentido de abertura, passando a abrir para o exterior. Esta ação vai facilitar a entrada de veículos de emergência na escola que, até ao momento, teriam dificuldades de acesso.

Ainda neste âmbito, a equipa de trabalhadores movimentou um bebedouro para uma zona mais favorável no recinto escolar de modo a auxiliar a execução de manobras de veículos.

A União das Freguesias de Setúbal contou com o apoio da Câmara Municipal na cedência de materiais necessários para a execução de algumas das ações planeadas.

A melhoria de condições da Escola Básica de São Gabriel insere-se no âmbito das ações essenciais planeadas para as nove escolas básicas e jardins de infância onde a Junta de Freguesia detém a responsabilidade de conservação e manutenção. As intervenções vão conferir condições dignas de funcionamento às escolas e são concretizadas ao longo do ano letivo escolar.