15° Parcialmente nublado
La Metamorfosis - XXI Festa do Teatro - 2019

Mais de quatro mil pessoas passaram pelas quatro dezenas de eventos da XX Festa do Teatro – Festival Internacional de Teatro de Setúbal, que terminou a 1 de setembro, com um espetáculo musical no exterior da Casa da Cultura.


Espetáculos cénicos de sala e de rua, cinema, atuações musicais, encontros, exposições e um seminário intensivo sobre expressão dramática contribuíram, entre 22 de agosto e 1 de setembro, para o sucesso da XXI Festa do Teatro, evento organizado pelo Teatro Estúdio Fontenova e pela Câmara Municipal de Setúbal.

O diretor artístico do certame, José Maria Dias, sublinha que, apesar de a organização ainda não ter a contagem final do público que assistiu aos vários espetáculos, o número terá sido superior às quatro mil pessoas que no ano passado participaram no festival.

“Os espetáculos que decorreram na Escola Secundária Sebastião da Gama estiveram quase sempre esgotados. No Fórum Municipal Luísa Todi, também notámos um grande aumento relativamente à edição do ano passado, com a sala sempre bem composta.”

O aumento da qualidade dos espetáculos, “todos de grande nível”, é um dos motivos que, segundo José Maria Dias, explicam o aumento da adesão de público, proveniente de Setúbal e de outros concelhos.

“A qualidade foi de tal forma equilibrada que dificultou a decisão do júri no concurso da Secção Off Mais Festa. O público ovacionou de pé quase todos os espetáculos.”  

O vencedor desta secção, que abre as portas a jovens criadores e a novos projetos teatrais que usufruem da logística e promoção do certame, foi a peça “A Terceira Margem do Rio: a de dentro”, apresentada no dia 27, no auditório da Escola Sebastião da Gama, pela Cia. Músico – Teatral de Letras, do Brasil.

Já no sábado, dia 31, a companhia chilena EscenaFísica “levou ao rubro” o público que esgotou o ginásio da Escola Secundária Sebastião da Gama com a peça “La Metamorfosis”, versão de Ricardo Gaete inspirada em “A Metamorfose”, de Franz Kafka. “Este foi talvez o espetáculo mais ovacionado da Secção Oficial”, destaca José Maria Dias.

Na XXI Festa do Teatro, que decorreu em vários equipamentos e espaços públicos da cidade, apresentaram-se 15 espetáculos na Secção Oficial e 15 na Secção Mais Festa, oito a concurso e sete extraconcurso.

Do programa constaram, igualmente, dois concertos, uma mostra de curtas-metragens, conversas de teatro, duas exposições e um seminário intensivo.

Além de companhias de teatro nacionais, marcaram presença na vigésima primeira edição do certame oito companhias estrangeiras provenientes do Brasil, Chile, República Checa, França e Espanha.