21° Céu limpo
Coronavírus Covid-19 | limpeza e desinfeção | 3 de abril

Os trabalhos de desinfeção das ruas e dos espaços públicos de Setúbal prosseguiram no dia 3 por várias zonas da cidade, de forma a proporcionar maiores condições de proteção à pandemia de Covid-19.


Embora seja uma tarefa habitual para as equipas municipais de Higiene Urbana e de Espaços Verdes, a higienização de todo o território foi redobrada num esforço da Câmara Municipal de Setúbal para proteção da saúde dos munícipes.

O centro da cidade foi, na manhã de dia 3, o ponto de partida de uma das brigadas municipais de desinfeção e limpeza de ruas, reforçadas neste período particularmente delicado, com áreas e espaços públicos onde se verifica maior circulação pedonal, como estabelecimento comerciais e passeios, a serem higienizados.

Com máscaras e outros equipamentos de proteção individual, como luvas e fatos impermeáveis, e munida de pulverizadores com uma solução à base de hipoclorito de sódio dissolvido em água, a equipa percorreu a Rua do Regimento de Infantaria 11 e os exteriores dos mercados do Livramento e do Rio Azul, de restaurantes da zona e de um supermercado.

Além desta zona da cidade, na parte da manhã quatro cantoneiros, com aplicadores de desinfetante nas costas, foram destacados para a lavagem intensa de diversos edifícios da Avenida Luísa Todi e de depósitos de lixo urbano e espaços de circulação pedonal dos arruamentos da zona da Saboaria.

De tarde, os trabalhos asseguraram ainda a desinfeção de uma extensa zona localizada noutra área da cidade, na Quinta do Quadrado e do Paraíso, ruas Henrique Cabeçadas e Dom Pedro V e Avenida de Moçambique, com recurso a máquinas que habitualmente efetuam a limpeza e a remoção de graffiti.

A campanha de higienização intensa em todas as freguesias do concelho decorre em permanência e insere-se na operação de larga escala desencadeada pelo município no âmbito do plano de contingência criado para lidar, no concelho, com a crise de saúde pública.

De salientar que, não obstante uma programação precisa das ruas e áreas a desinfetar a cada dia, há, pontualmente, situações em que o município atua a pedido da população, quando se verificam casos que necessitam de uma intervenção urgente.

Foi o que sucedeu na manhã de dia 3, quando uma equipa interveio no Beco de João Landrob, na Baixa da cidade