17° Possible Light Rain

Uma caminhada solidária de prevenção do cancro da mama realiza-se no dia 13, de manhã, num percurso pelas principais artérias do centro histórico e frente ribeirinha.


O evento, organizado pelo Grupo de Apoio de Setúbal e pelo Movimento Vencer e Viver da Liga Portuguesa Contra o Cancro – Núcleo Regional do Sul, com a colaboração da Câmara Municipal, pretende incentivar e alertar o público sobre a importância do diagnóstico precoce do cancro da mama.

Sob o mote “A Prevenção Toca a Todos”, a caminhada tem início às 10h00 na Praça de Bocage, num percurso que inclui passagem pelo Largo da Misericórdia, Jardim da Beira-Mar, Praia da Saúde e Avenida Luísa Todi, terminando no Parque do Bonfim com uma sessão de chi kung.

As inscrições, com um custo de seis euros e oferta de um kit com camisola, mochila, garrafa de água e peça de fruta ou barrita energética, devem ser feitas através dos telefones 300 506 105 e 912 005 109 ou do endereço de correio eletrónico.

O kit de participante pode ser levantado nos dias 10 e 11, das 09h00 às 17h00, ou a 12, entre as 09h00 e as 13h00, no Grupo de Apoio de Setúbal, com sede na Rua Gama Braga, números 6 e 8, não sendo garantidas entregas no dia da caminhada.

Quem não optar pela inscrição paga pode participar na mesma na marcha, bastando para isso aparecer na iniciativa com uma peça de roupa cor de rosa. O ponto de encontro está agendado para as 09h00 na Praça de Bocage, para uma aula de aquecimento.

Realizado no âmbito do Dia Nacional de Prevenção do Cancro da Mama, que se celebra a 30 de outubro, o evento insere-se na Onda Rosa, movimento com atividades solidárias em vários pontos do país, de 15 a 30, com o objetivo de sensibilizar as populações sobre a importância do diagnóstico precoce da doença.

Em Setúbal, o Grupo de Apoio da Liga Portuguesa Contra o Cancro presta, diariamente e de forma gratuita, apoio a mulheres com dificuldades económicas, através da entrega de próteses, soutiens, mangas elásticas, cabeleiras e de sessões de fisioterapia, drenagem linfática e terapia.

Todos os anos, a Câmara Municipal de Setúbal, através do Gabinete de Saúde, promove, em colaboração com o Gabinete de Setúbal da Liga Portuguesa Contra o Cancro e com as autoridades locais de saúde, diversas ações com informação relevante sobre a doença.

Em Portugal, o cancro da mama é diagnosticado anualmente a cerca de seis mil mulheres e a seis dezenas de homens. A taxa de sobrevivência cinco anos após o diagnóstico ronda os 80 por cento, em linha com a média europeia.