14° Nublado
Nosso Bairro, Nossa Cidade | Prémio Santander | Caminhada e Dança

Um projeto comunitário de caminhada e dança dinamizado no âmbito do Nosso Bairro, Nossa Cidade, programa municipal a decorrer no território da Bela Vista, foi premiado na área do voluntariado.


O projeto “Caminhada e Dança – Comunidade para uma Vida Saudável”, dinamizado por moradores do território da Bela Vista, em parceria com a Câmara Municipal de Setúbal e o Instituto Politécnico de Setúbal, conquistou, entre mais de oitenta candidaturas, o terceiro lugar no Prémio Voluntariado Universitário Santander.

A iniciativa setubalense conta, atualmente, com a participação de cerca de oito dezenas de moradores dos cinco bairros do programa e de outras zonas da cidade, os quais se reúnem, todas as sextas-feiras, para a realização de passeios pedestres.

O projeto, que começou por ser um grupo de caminhadas, foi aprofundado e melhorado no âmbito de uma parceria estabelecida com o Instituto Politécnico de Setúbal, através da Escola Superior de Educação, com a disponibilização de meios e recursos técnicos e humanos.

A distinção, entregue no dia 5, na sede do Santander, em Lisboa, contempla a atribuição, ao Instituto Politécnico de Setúbal, de um donativo financeiro no valor de quatro mil euros para aplicação no projeto, assim como a oferta de uma ação de mentoria para o processo de desenvolvimento da ação.

A “Caminhada e Dança – Comunidade para uma Vida Saudável” surge no seguimento de uma proposta decidida em plenário, em 2015, por moradores da Quinta de Santo António, um dos cinco bairros que, juntamente com a Bela Vista, o Forte da Bela Vista, a Alameda das Palmeiras e as Manteigadas, integram o território abrangido pelo programa Nosso Bairro, Nossa Cidade.

Além da disponibilização de instalações e materiais do Politécnico, o projeto conta com a colaboração de alunos e docentes da Licenciatura de Desporto, que monitorizam a condição física dos participantes e promovem a adoção de estilos de vida saudáveis, conferindo uma base científica ao projeto.

O programa Nosso Bairro, Nossa Cidade, a decorrer desde 2012, envolve residentes, serviços autárquicos e perto de trinta entidades sediadas no território, promovendo ações que devem ser protagonizadas pelos próprios moradores, gerando a participação das pessoas nas decisões que a elas e à sua comunidade dizem respeito, com o objetivo de promover a autonomia, a responsabilidade e o crescimento coletivo.

As pessoas, organizadas em grupos, participam nas decisões e também nas tarefas inerentes à execução das ações, numa lógica de formação de lideranças e de mobilização popular.